06:09 03 Agosto 2021
Ouvir Rádio
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    0 171
    Nos siga no

    Uma equipe internacional de cientistas descobriu que um enorme lago localizado na Antártica oriental desapareceu repentinamente, deixando apenas uma camada de gelo quebrado e uma depressão em forma de cratera de aproximadamente 11 km quadrados.

    De acordo com o estudo publicado na revista Geophysical Research Letters, os pesquisadores descobriram o desaparecimento a partir de imagens de satélite que mostravam o antes e o depois do evento incomum, que ocorreu durante o inverno antártico de 2019 na plataforma de gelo Amery.

    Estima-se que entre 600 e 750 milhões de metros cúbicos de água doce tenham escoado para o oceano. Embora os cientistas ainda não tenham a certeza de como o lago desapareceu em tão pouco tempo, o cenário mais provável é que o fundo tenha colapsado devido à enorme pressão.

    "Acreditamos que o peso da água acumulada neste lago profundo abriu uma fissura na plataforma de gelo sob o lago, um processo conhecido como hidrofratura, que faz com que a água drene para o oceano abaixo", disse Roland Warner autor principal do estudo.

    Um enorme lago antártico desapareceu misteriosamente.

    A plataforma de gelo Amery é a terceira maior da Antártica, em alguma áreas a sua espessura chega a 1.800 metros. O referido lago estava localizado no topo desta área, em um lugar onde o gelo tem mais de 1.400 m de grossura. Embora não seja incomum ver lagos drenados em resultado deste fenômeno, os cientistas não esperavam que isso acontecesse com uma espessura de gelo tão grande.

    "Uma vez que a água proveniente do degelo da superfície nas plataformas pode causar o seu colapso, elevando o nível do mar quando o gelo em terra não é mais retido, é importante compreender os processos que enfraquecem as plataformas de gelo", explicou Amanda Fricker, glacióloga do Instituto de Oceanografia Scripps.

    Anteriormente, cientistas dos EUA alertaram que o derretimento das geleiras da Antártica coloca em risco a existência de cidades costeiras como Nova York e Xangai.

    De acordo com cientistas, na região antártica há gelo suficiente para provocar um aumento do nível do mar em 60 metros como resultado do aquecimento global.

    Mais:

    Descoberta camurça congelada de 400 anos que pode ajudar a entender melhor 'múmias de gelo' (FOTOS)
    Degelo do Ártico está liberando micróbios 'desconhecidos que podem representar nova ameaça'
    Velocidade em que as geleiras estão derretendo dobrou em 20 anos
    Tags:
    derretimento, lago, Antártica, geleira
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar