04:32 01 Março 2021
Ouvir Rádio
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    Pandemia da COVID-19 no mundo em meados de fevereiro de 2021 (110)
    0 20
    Nos siga no

    A empresa BioSerenity criou em França uma máscara que afirma ser quase totalmente eficaz em bloquear e inclusive desativar o SARS-CoV-2 após menos de cinco minutos.

    A empresa francesa BioSerenity anunciou na terça-feira (16) que desenvolveu uma máscara facial capaz de neutralizar o coronavírus, noticiou a emissora BFMTV.

    A máscara descartável, que é recomendada para ser usada por até quatro horas, consiste em quatro camadas ligadas com produtos químicos bactericidas e antivirais de ciclodextrina e amônia quaternária, de acordo com a mídia. A primeira camada bloqueia as gotas no exterior, a segunda filtra e descontamina, a terceira é um outro filtro e a última oferece proteção interna.

    Como informa a BFMTV, ela oferece uma redução de 99,9% do vírus em um período de cinco minutos, sendo capaz de "filtrar e descontaminar" usando uma camada têxtil "assassina" do vírus. A redução do vírus aumenta para 99,96% em menos de duas horas de uso.

    Segundo Nicolas Blanchemain, professor da Universidade de Lille, França, e pesquisador do Instituto Nacional da Saúde e da Pesquisa Médica, que colaborou no desenvolvimento da máscara, o produto também "funcionará contra variantes" do coronavírus.

    A máscara foi desenvolvida em colaboração com o Centro Hospitalar Universitário de Lille, o Instituto Nacional da Saúde e da Pesquisa Médica e o Centro Nacional de Pesquisa Científica da França.

    A máscara padrão europeia FFP pode ser encomendada a partir de terça-feira (16) a um preço de € 1,49 (R$ 9,65), informou a emissora.

    É previsto que uma versão cirúrgica da máscara para venda ao público esteja disponível na segunda-feira (22), custando € 0,44 (R$ 2,85) cada.

    Tema:
    Pandemia da COVID-19 no mundo em meados de fevereiro de 2021 (110)

    Mais:

    Lâmpadas LED mais baratas poderiam ser 'assassinas' indicadas contra coronavírus, mostra estudo
    Pastas de dentes podem neutralizar 99,9% do coronavírus em 2 minutos, sugere estudo
    Agência chinesa de aviação civil recomenda que aeromoças usem fraldas contra a COVID-19
    Injeção que nada: cientistas trazem à tona método mais eficaz de vacinação contra COVID-19
    Tags:
    Lille, França, COVID-19
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar