04:12 20 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    1180
    Nos siga no

    Os cientistas da Universidade Nacional de Pesquisa Nuclear MEPhI vão criar em breve um sistema digital inédito destinado a aperfeiçoar o processo de desmontagem de instalações nucleares.

    Os criadores asseveram que o programa leva em conta todos os riscos possíveis no intuito de oferecer soluções que seriam ótimas do ponto de vista de segurança e economia. O serviço de imprensa da MEPhI compartilha os detalhes do projeto, apoiado pela corporação estatal Rosatom.

    Os especialistas da MEPhI fazem constar que estamos em uma época em que uma grande parte das instalações nucleares em todo o mundo está a ponto de atingir o fim de seu ciclo vital (40-50 anos). O fechamento e a consequente desmontagem em massa dos equipamentos obsoletos acarretam riscos sérios e gastos consideráveis.

    O custo acumulado de fechamento do total das instalações nucleares russas cifra-se em dezenas de bilhões de dólares, observam os especialistas. De acordo com eles, os gastos de encerramento de instalações concretas podem variar substancialmente em virtude da ordem dos trabalhos e das tecnologias usadas.

    "O encerramento é ligado a uma série de incertezas. Por exemplo, nem sempre é possível avaliar, antes da desmontagem, o grau de radiatividade de uma ou outra estrutura. O nosso sistema, ao contrário de outros, possibilita avaliar estes riscos em qualquer estágio das obras, sugerindo soluções que são ótimas, tanto do ponto de vista financeiro, quanto do ponto de vista da ecologia e segurança dos empregados", comenta o professor do Departamento de Matemática Aplicada da MEPhI Aleksandr Kryanev.

    Os criadores observam que o programa usa os métodos de estatística matemática, de otimização multicritério, a teoria das probabilidades e a teoria dos conjuntos difusos.

    O projeto da MEPhI pode ser aplicado não somente a reatores de todos os tipos, mas também a outros tipos de instalações nucleares, inclusive a instalações de enterramento temporário e depósitos de resíduos nucleares.

    Os trabalhos foram realizados com participação dos especialistas do Centro Científico e Técnico de Segurança Nuclear e Radioativa.

    Mais:

    Cúpula altamente radioativa dos EUA no Pacífico 'preocupa' autoridades do país
    Grandes concentrações de cloro radioativo são achadas na Antártica
    VÍDEO dos testes nucleares no atol de Bikini durante Guerra Fria ganha cores
    Tags:
    Rússia, tecnologia, tecnologia nuclear
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar