04:06 12 Agosto 2020
Ouvir Rádio
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    1132
    Nos siga no

    Uma sonda espacial da NASA tirou uma foto inacreditável da superfície de Marte que se assemelha ao Grand Canyon, desfiladeiro íngreme no estado do Arizona, nos EUA.

    O cenário fascinante foi captado da órbita do Planeta Vermelho. Será que algum dia este lugar poderá se transformar em uma atração turística para visitantes espaciais?

    A imagem exibe várias planícies da parte sudoeste do Juventae Chasma, um desfiladeiro localizado no maciço sistema de cânions Valles Marineris, uma vasta área que tem cerca de 4.000 mil quilômetros de comprimento, relata The Sun.

    Imagem dos cânions Valles Marineris em Marte
    Imagem dos cânions Valles Marineris em Marte
    A profundidade deste sistema marciano pode alcançar até sete quilômetros, ou seja, quatro vezes mais profundo que o ponto mais baixo do Grand Canyon.

    Na imagem podem ser observados três terrenos distintos: planícies com prováveis "canais invertidos", outras com camadas expostas e outras com camadas em uma muralha.

    Formações em camadas profundas de cânions marcianos
    Formações em camadas profundas de cânions marcianos
    A parte superior da imagem exibe crateras e cumes ondulantes que provavelmente são "canais de fluxo invertidos" que ocorrem quando uma área outrora baixa se torna alta.

    As formações em camadas são bastante comuns nos desfiladeiros em Marte, no entanto é desconhecido o processo que os formou.

    Mais:

    Rover da NASA registra FOTO panorâmica de Marte na maior resolução do momento
    Marte já teria tido condições favoráveis para vida, dizem pesquisadores do MIT
    Tags:
    planeta, Canyon, espaço, superfície, sonda espacial, NASA, Marte
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar