01:06 19 Setembro 2020
Ouvir Rádio
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    141
    Nos siga no

    Um sistema binário estelar, denominado Terzan 5 CX1, está se comportando de uma maneira muito estranha e curiosa, segundo os dados fornecidos pelo observatório Chandra coletados durante quase década e meia.

    O referido sistema binário se localiza em um aglomerado globular a aproximadamente 19.000 anos-luz da Terra e demonstra características de comportamento correspondentes a dois tipos de objetos diferentes.

    Os dados coletados pelo telescópio por mais de uma década de observações mostram uma estrela de nêutrons orbitando de perto a sua companheira com menor massa. A referida estrela de nêutrons com mais massa extrai materiais da sua companheira para o disco de acreção circundante, que emite luz de raios X brilhante detectada pelo observatório.

    Os dados do telescópio Chandra e do VLA (Very Large Array) entre 2009 e 2014 mostram que o sistema alterou para se comportar como um pulsar de milissegundo. A teoria principal para origem de pulsares de milissegundo é que eles são estrelas de nêutrons velhas, de rotação rápida, que foram geradas através da acumulação de matéria de uma estrela companheira em um sistema binário próximo. No entanto, em 2016 o sistema voltou a se comportar como um binário de raios X de massa baixa, escreve portal Space.com

    O material que gira no disco de acreção atinge a superfície da estrela de nêutrons aumentando sua velocidade de rotação. A estrela pode girar cada vezes mais rápido até que a esfera, de aproximadamente 10 quilômetros de largura e com massa superior à do Sol, gire centenas de vezes por segundo.

    Por fim, a transferência de matéria abranda e o material restante é varrido pelo campo magnético rodopiante da estrela de nêutrons, que se transforma em um pulsar de milissegundo.

    Mais:

    Túnel subterrâneo? NASA descobre 'precipício sem fundo' em superfície de Marte (FOTOS)
    'Marte está vivo': sonda da NASA registra sismos no Planeta Vermelho
    Tags:
    observatório, NASA, galáxia, nêutrons, estrelas, astrofísica
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar