18:43 05 Junho 2020
Ouvir Rádio
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    2230
    Nos siga no

    Os restos mortais de quatro guerreiros escandinavos do século XI foram descobertos em uma necrópole peculiar na Polônia.

    Através de uma análise química e genética dos restos encontrados, os cientistas estabeleceram que os quatro homens eram originários da Escandinávia, muito provavelmente da Dinamarca.

    Segundo o Dr. Slawomir Wadyl, do Museu Arqueológico de Gdansk, os guerreiros foram desenterrados, junto com uma variedade de objetos metálicos, armamentos e até mesmo restos de animais, na aldeia de Cieple, no norte da Polônia.

    "Na parte central da necrópole, havia quatro sepulturas muito bem equipadas […] Homens, provavelmente guerreiros, foram enterrados nelas, como evidenciado pelas armas e equipamentos equestres colocados junto deles", disse arqueólogo à agência PAP

    Os guerreiros dinamarqueses teriam sido enterrados durante a dinastia Piasta - a primeira dinastia polonesa a governar no período desde o século X até o final do século XIV, escreve o tabloide britânico Express.

    "Acontece que todos os mortos enterrados na parte central do cemitério não eram do Estado Piasta, mas da Escandinávia, muito provavelmente da Dinamarca", destacou.

    Cavaleiros de elite

    Há evidências sugerem que os quatro homens eram cavaleiros hábeis, devido aos estribos, esporas e fivelas encontrados ao lado de seus corpos.

    Os corpos dos guerreiros estavam colocados em câmaras de madeira, medindo cerca de 3,5 metros por 2 metros, construídas à semelhança de uma cabana, com toros de madeira empilhados uns sobre os outros.

    "Era um dos métodos mais populares de construção de casas na época, então se pode dizer que era uma casa mortuária", comentou Wadyl.

    Os pesquisadores também encontraram outro método de enterro diferente em uma parte do cemitério, onde desenterraram dois grandes caixões colocados dentro de uma câmara construída de postes verticais afiados, cravados no chão.

    Crânio da Era dos Vikings na Suécia
    © Foto / Arqueólogos, Museus Históricos Nacionais / Arkeologerna, Shm
    Crânio da Era dos Vikings na Suécia

    "Estas são as maiores câmaras deste tipo que conhecemos no território da Polônia neste momento […] Aqueles que estão enterrados na parte central da necrópole representavam a elite social da época, como evidenciado pelo carácter monumental de seus túmulos e rico mobiliário. Eles provavelmente pertenciam a um grupo de cavaleiros de elite, mas o seu papel provavelmente não se limitava à função de guerreiros", finalizou.

    Mais:

    Com defuntos de séculos diferentes, barcas vikings são achadas uma dentro da outra (VÍDEO)
    Centenas de artefatos vikings são descobertos no norte da Rússia
    Arqueólogos encontram o mais antigo DNA de vikings em... 'chiclete' (FOTO)
    Tags:
    sepulturas, restos mortais, Escandinávia, guerreiro, vikings
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar