14:57 23 Setembro 2019
Ouvir Rádio
    Asteroide se aproximando da Terra (imagem referencial)

    Enorme asteroide é descoberto no Sistema Solar

    © Fotolia / AND Inc
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    5135
    Nos siga no

    Astrônomos do Caltech (EUA) descobriram um raro asteroide com cerca de um quilômetro de diâmetro com o menor período orbital entre as rochas espaciais, completando uma volta ao redor do Sol em 151 dias.

    Os autores desta investigação publicado no portal Psy.org garantem que este corpo celeste se encontra no nosso Sistema Solar há várias décadas, mas até agora ninguém tinha conseguido localizá-lo.

    A órbita do asteroide vai além de Vênus e ocasionalmente se aproxima do Sol mais que Mercúrio, que leva 88 dias a dar uma volta completa em torno do Sol.

    Como é que este enorme e super rápido asteroide, chamado 2019 LF6, ficou escondido na órbita da Terra?! Crédito: Instituto de Tecnologia da Califórnia.

    O corpo celeste denominado 2019 LF6 é um dos vinte asteroides conhecidos como Atira, já que a sua órbita está totalmente contida na órbita terrestre.

    "O [asteroide] 2019 LF6 é muito invulgar tanto pela sua órbita como pelo tamanho. Sua órbita única explica por que um asteroide tão grande escapou durante várias décadas às pesquisas mais cuidadosas", disse Quanzhi Ye, investigador do Instituto Tecnológico de Califórnia que descobriu o asteroide.

    Este corpo rochoso e um outro asteroide Atira descoberto este ano, o 2019AQ3, "orbitam fora do plano do Sistema Solar, o que significa que, em um certo momento do passado, foram expulsos do plano por passar perto demais de Vênus e Mercúrio", explicou Tom Prince, professor de física em Caltech.

    Por isso, temos somente de 20 a 30 minutos antes do nascer e depois do pôr do Sol para poder observar estes asteroides, destaca Quanzhi Ye.

    Mais:

    NASA pretende explorar asteroide que poderia tornar todos os terráqueos milionários
    Sonda japonesa envia FOTOS após 2ª aterrissagem no asteroide Ryugu
    Tags:
    Vênus, Sol, Terra, asteroide
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar