23:28 27 Maio 2020
Ouvir Rádio
    Charges

    Quando o trabalho em equipe acaba em briga

    Charges
    URL curta
    3175
    Nos siga no

    Com a situação em torno de coronavírus se agravando diariamente, parece que todos os países devem se unir perante a ameaça. Mas adversários estratégicos, assim como parceiros antigos, estão trocando pretensões.

    Quando o trabalho em equipe acaba em briga

    Em 12 de março, o porta-voz do MRE chinês, Zhao Lijian, declarou que militares norte-americanos poderiam ter levado o coronavírus para a China. Donald Trump, por sua vez, várias vezes chamou SARS-CoV-2 de "vírus chinês". Tudo isso fez com que a China restringisse o funcionamento de vários jornais norte-americanos, tais como The New York Times, The Wall Street Jornal e The Washington Post.

    EUA também acusaram de desinformação o Irã, que sugeriu que o novo coronavírus é uma arma biológica dos EUA, enquanto o secretário de Estado norte-americano, Mike Pompeo, acusou Irã de ocultar dados sobre a real dimensão da epidemia.

    Algo semelhante ocorreu entre parceiros transatlânticos: Alemanha e EUA por causa da elaboração de vacina. O chefe da empresa CureVac se encontrou com Trump declarando que a vacina estaria pronta daqui a pouco, mas em duas semanas deixou seu cargo. Segundo a edição Welt am Sonntag, Trump prometeu financiar cientistas em laboratórios norte-americanos.

    A Europa em si também está cheia de desacordos. Assim, a Polônia fechou fronteiras para o trânsito. Por isso cidadãos da Letônia, Estônia e Ucrânia não podem voltar aos seus países.

    Países europeus também não podem colaborar um com outro no combate ao novo coronavírus. Sérvia, Espanha e Itália conseguiram encontrar apoio muito longe da União Europeia – no epicentro da doença, acusado por todos.

    Mais:

    EUA gastam bilhões em 'Estrela da Morte' em meio ao coronavírus, criticam especialistas
    Coreia do Norte batalha contra coronavírus apesar de sanções
    Polônia está usando vodca confiscada para esterilizar tudo contra coronavírus
    Ouro e dívida nula protegeriam Rússia no apocalipse econômico pós-coronavírus, diz especialista
    Tags:
    União Europeia, EUA, Europa, China, novo coronavírus
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar

    Mais charges