05:20 13 Abril 2021
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    3122
    Nos siga no

    A rejeição ao presidente Jair Bolsonaro aumentou para 40% e voltou a superar a aprovação, segundo mostra novo levantamento do Datafolha, divulgado nesta sexta-feira (22).

    Na pesquisa de popularidade realizada em dezembro, o chefe de Estado brasileiro era considerado ruim ou péssimo por 32% da população, enquanto 37% o consideravam ótimo ou bom. Nesta última sondagem, o percentual dos que aprovam o desempenho do presidente caiu para 31%.

    Atualmente, 26% consideram regular o trabalho de Bolsonaro, contra 29% no último mês. 

    Ao todo, nos dias 20 e 21 deste mês, 2.030 pessoas em todo o Brasil foram ouvidas nessa nova pesquisa, que tem margem de erro de dois pontos percentuais para mais ou para menos. 

    ​De acordo com a Folha, as pessoas que têm medo de pegar o novo coronavírus estão entre as que mais rejeitam o presidente. Para 50% dos entrevistados, o atual presidente não tem capacidade de governar o país, contra 52% em dezembro. Os que o consideram capaz tiveram variação de 45% para 46%.

    Apesar do aumento da reprovação do presidente, a maioria dos brasileiros é contra a abertura de um processo de impeachment contra Jair Bolsonaro. Esse percentual passou de 50% para 53%, enquanto os que defendem o impeachment passaram de 46% em dezembro para 42% agora, indica o estudo.

    Mais:

    Bolsonaro diz que não é um 'excelente presidente', mas muitos querem a volta dos 'anteriores'
    'Bolsonaro só semeia insegurança e violência', diz candidata à presidência de Portugal
    Bolsonaro está chorando? Saída 'de fininho' de Trump da Casa Branca faz surgir teorias na web
    Tags:
    impeachment, Folha de S.Paulo, Datafolha, pesquisa, popularidade, rejeição, reprovação, aprovação, Brasil, Jair Bolsonaro
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar