17:38 26 Janeiro 2021
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    2133
    Nos siga no

    Esposa do deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), a psicóloga Heloísa Bolsonaro afirmou nesta terça-feira (24) que a filha do casal "toma e tomará todas vacinas para cada fase".

    A declaração da nora do presidente foi feita no Instagram, em resposta a uma seguidora, que perguntou se Geórgia (filha de Heloísa e Eduardo) toma vacinas.

    "Geórgia toma e tomará todas vacinas para cada fase. Não sabia que existia um movimento antivacina, mas agora sabendo, só pode ser coisa de retardado. Depois quando o filho tiver uma doença, quero ver ele agradecer aos pais por terem poupado ele da dor do 'pic'. Pqp né?! Por essas e outras a gente vê a volta de doenças antes erradicadas", respondeu Heloísa Bolsonaro, no Instagram.

    Heloísa Bolsonaro diz no Instagram que movimento antivacina 'só pode ser coisa de retardado', em 24 de novembro de 2020.
    © Foto / Reprodução
    Heloísa Bolsonaro diz que movimento antivacina 'só pode ser coisa de retardado'

    No início de novembro, a Avenida Paulista, em São Paulo, foi palco de um movimento antivacina. Mais especificamente, o grupo, embasado em ideias conspiracionistas, se manifestou contrário à aplicação obrigatória da vacina contra COVID-19 e à aquisição da vacina produzida pela China. Especialistas apontam que misticismo e religião também podem causar temor em tomar a vacina.

    O presidente Jair Bolsonaro nunca se mostrou contrário à vacinação, mas já reforçou repetidas vezes que a vacina "não será obrigatória", inclusive durante seu discurso na conferência de líderes do G20.

    Mais:

    Vacina russa Sputnik V terá preço 'muito mais baixo' que as da Moderna e Pfizer
    Governo do Brasil se reúne com 5 laboratórios para avaliar aquisições de vacinas
    COVID-19: AstraZeneca vai pedir uso emergencial no Brasil e vacina pode ficar pronta em janeiro
    Vacina russa Sputnik V apresenta eficiência acima de 95%, 21 dias após 2ª dose, diz RFPI
    COVID-19: com 130 milhões de vacinas da Fiocruz, estaremos livres da pandemia no Brasil?
    Tags:
    novo coronavírus, COVID-19, vacina, Bolsonaro
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar