04:14 26 Novembro 2020
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    Brasil enfrenta COVID-19 no fim de outubro (38)
    140
    Nos siga no

    Dados das secretárias estaduais de saúde mostram queda na média móvel de falecimentos em comparação há duas semanas, mas aumento de casos nos últimos cinco dias.

    Sete meses e meio depois da primeira morte por COVID-19, o Brasil chegou no sábado (31) a 159.902 óbitos, sendo 340 nas últimas 24 horas. Os dados foram divulgados no início da noite pelas secretarias estaduais de saúde, informou o site G1. A perspectiva de 160 mil mortos deve se confirmar no domingo (1º).

    O registro dos órgãos estaduais trouxe boas e más notícias. A média móvel de vítimas fatais nos últimos sete dias foi 12% a menos se comparada com duas semanas atrás. Mas houve aumento na média móvel de casos pelo quinto dia seguido, uma tendência de alta.

    Ainda assim, o ritmo vai se aproximando da estagnação. Neste sábado (31), ela ficou em 21.930, com variação para mais de 11%. Na quarta-feira (28) era de 20%, na quinta (29) caiu para 18% e na sexta (30) chegou a 16%.

    Em seis estados houve aumento de mortes. Dois nas regiões Sul e Sudeste (Santa Catarina e Espírito Santo) e quatro nas Norte e Nordeste (Acre, Amapá, Amazonas e Ceará). Mas o Distrito Federal e nove estados tiveram queda: Paraná, São Paulo, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Roraima, Tocantins, Alagoas, Rio Grande do Norte e Paraíba. Nos demais 11 estados da federação, não houve nem queda, nem aumento significativos.

    Desde 12 de março, data da primeira morte no Brasil, pouco mais de 2% dos brasileiros pegaram COVID-19 ou ainda estão com a doença. Isso significa pouco mais de 5,5 milhões de pessoas. Nas últimas 24 horas, foram confirmados 15.203 casos.

    Tema:
    Brasil enfrenta COVID-19 no fim de outubro (38)

    Mais:

    China diz que carne de porco do Brasil está contaminada com COVID-19
    Bielorrússia restringirá entrada de estrangeiros para conter a COVID-19
    Diagnosticado com COVID-19, Pazuello é internado por desidratação
    Tags:
    Brasil, casos, mortes, vítimas, COVID-19
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar