02:32 27 Novembro 2020
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    Brasil na luta contra COVID-19 no final de julho (61)
    175
    Nos siga no

    O presidente Jair Bolsonaro retomou nesta segunda-feira (27) a sua agenda oficial depois de anunciar no fim de semana que havia testado negativo para a COVID-19.

    De acordo com a agenda oficial do governo nesta segunda-feira (27), Bolsonaro planeja se reunir com o ministro da Defesa, Fernando Azevedo, e com o ministro da Economia, Paulo Guedes.

    Em 25 de julho, o presidente relatou no Twitter que o teste de RT-PCR para COVID-19 tinha dado resultado negativo

    Na postagem, Bolsonaro aparece segurando uma caixa de hidroxicloroquina, medicamento que o presidente vem defendendo para o tratamento da COVID-19, mas cujo o uso vem sendo desaconselhado por médicos e cientistas. 

    ​A Sociedade Brasileira de Infectologia (SBI) publicou uma nota em 17 de julho afirmando que a hidroxicloroquina não tem efeito no tratamento da COVID-19 e seu uso deve ser abandonado com "urgência".

    Bolsonaro estava isolado em sua residência oficial, o Palácio da Alvorada, em Brasília, desde 7 de julho, quando anunciou que havia sido infectado pelo coronavírus. 

    Durante esse período, o presidente foi visto andando de moto pelo palácio sem máscara e cumprimentando alguns varredores de rua, contrariando recomendações médicas, que exigem isolamento total para os pacientes com COVID-19.

    Tema:
    Brasil na luta contra COVID-19 no final de julho (61)

    Mais:

    Bolsonaro diz que novo teste para COVID-19 deu negativo
    Moro diz ter saído do governo Bolsonaro por agenda anticorrupção
    Bolsonaro ingressa com ação no STF contra suspensão de perfis de aliados
    Entidades de saúde denunciam Bolsonaro por crime contra humanidade em Tribunal Internacional
    Tags:
    Palácio do Planalto, Hidroxicloroquina, agenda, Jair Bolsonaro, Bolsonaro, COVID-19
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar