17:30 24 Janeiro 2020
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    14613
    Nos siga no

    Se as eleições presidenciais fossem hoje, Jair Bolsonaro e Luiz Inácio terminariam empatados no primeiro turno, com 32% e 29% dos votos, respectivamente, segundo pesquisa VEJA/FSB.

    A diferença de três pontos configura empate técnico. Num eventual segundo turno, no entanto, o ex-presidente perderia para o atual mandatário por uma diferença de apenas cinco pontos (40% a 45%), de acordo com enquete publicada pela Veja nesta sexta-feira (6).  

    O cenário é hipotético, já que atualmente Lula não poderia concorrer pois foi condenado em segunda instância, ficando inelegível segundo a Lei de Ficha Limpa. E Bolsonaro, que está sem partido, precisaria formalizar a criação de sua nova legenda, a Aliança para o Brasil. 

    Na pesquisa anterior, feita em outubro, simulando apenas um segundo turno, com Lula ainda preso, o resultado foi de 46% a 38% para Bolsonaro. 

    Os outros possíveis candidatos aparecem espremidos na parte de baixo da tabela. Ciro Gomes (PDT) e Luciano Huck (sem partido) têm 9%, seguidos por João Amoedo (Novo), com 5%, e João Dória (PSDB), com 4%. 

    Moro ganharia de Lula por 48% a 39%

    A pesquisa também apresentou um cenário com o petista e o ex-juiz Sergio Moro na disputa. No primeiro turno, o atual ministro da Justiça teria 32% e Lula 29%. No segundo, Moro ganharia com boa vantagem, 48% a 39%. 

    A enquete mostrou ainda um provável segundo turno entre Bolsonaro e Moro. Nessa caso, a disputa ficaria empatada em 36% a 36%. 

    Haddad tem a maior rejeição

    A maior rejeição, por sua vez, foi de Fernando Haddad (PT), com 60%. Depois, surgem Lula, com 56%, e Bolsonaro, com 48%. Moro é o que tem o menor índice - 35% disseram que não votariam nele de jeito nenhum.

    O levantamento, que possui dois pontos percentuais de margem de erro, foi feito entre 29 de novembro e dois de dezembro. Duas mil pessoas foram ouvidas nos 26 estados e no Distrito Federal. Essa foi a primeira sondagem feita desde que o ex-presidente deixou a prisão.

    Mais:

    Caso Marielle: Bolsonaro pede intervenção de Moro após ser citado em investigação
    Lula diz que é bom de 'briga' e 'honra para nordestino tem muito valor'
    'O PT está se preparando para voltar e governar o país', diz Lula em nova entrevista
    Tags:
    Luiz Inácio Lula da Silva, presidente, Sergio Moro, Jair Bolsonaro, pesquisa, Brasil, eleições, lula
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar