15:28 19 Novembro 2019
Ouvir Rádio
    Manchas de óleo poluem a praia dos Artistas em Aracajú (SE)

    Manchas de óleo chegam a Morro de São Paulo, um dos principais destinos turísticos da Bahia

    © Folhapress / Márcio Garcez
    Brasil
    URL curta
    413
    Nos siga no

    As manchas de óleo que atingem o litoral do Nordeste chegaram na madrugada desta terça-feira (22) a um dos principais destinos turísticos da Bahia, Morro de São Paulo, na cidade de Cairu. 

    Segundo a prefeitura do município, localizado no sul da Bahia, quatro praias foram atingidas. As mais afetadas ficam no distrito de Morro de São Paulo, a Segunda e a Terceira Praia. As outras duas são a praia da Cueira, em Boipeba, e a Ponta do Quadro, em Garapuá. Algumas manchas de óleo tinham cerca de 50 centímetros de extensão. 

    Morro de São Paulo, localizado a cerca de 170 quilômetros de Salvador, é o terceiro principal destino turístico do estado. Cairu é formado por um conjunto de 26 ilhas. 

    Ainda de acordo com a prefeitura, as áreas atingidas foram limpas por servidores, voluntários e pela empresa responsável pela limpeza urbana da região, mas seguem interditadas e sob supervisão. 

    No fim de semana, foram registradas manchas em Itacaré e Ilhéus, mas em pequena quantidade.

    Óleo chegou a diversos destinos turísticos da região

    Nas últimas duas semanas, o óleo atingiu em grandes proporções praias de Bahia, Sergipe, Alagoas e Pernambuco. A praia de Carneiros, uma das mais visitadas do litoral sul pernambucano, amanheceu coberta de óleo nesta sexta-feira (18). Um dia antes, o material chegou à praia e à área de proteção ambiental de Maragogi, no litoral norte de Alagoas.

    Em Salvador, 11 praias foram afetadas, como por exemplo o Farol da Barra. Aproximadamente 90 toneladas de óleo foram retirados da capital baiana. Na quinta-feira (17), as manchas chegaram às praias na Ilha de Itaparica. 

    Na segunda-feira (21), a Marinha informou que já tinha recolhido 900 toneladas de óleo das praias do Nordeste. As manchas começaram a surgir no final de agosto, na Paraíba. Uma área de 2.250 quilômetros foi atingida, o que representa mais de 200 praias e 70 cidades. Até o momento a origem do material é desconhecida.

    Mais:

    Estudo da UFBA aponta que óleo em praias do Nordeste foi produzido na Venezuela
    Óleo no Nordeste é um dos piores acidentes ambientais da história do Brasil, diz oceanógrafo
    Governo da Bahia declara estado de emergência por derramamento de óleo
    População retira 525 toneladas de resíduos de óleo de praias no Nordeste do Brasil
    Mourão diz que 4 a 5 mil militares serão enviados para conter mancha de óleo no NE
    Tags:
    Nordeste, vazamento, poluição, turismo, petróleo, Bahia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar