06:55 30 Julho 2021
Ouvir Rádio
    Ásia e Oceania
    URL curta
    2100
    Nos siga no

    Sem aparecer publicamente desde o fim de outubro de 2020, Jack Ma faz sua primeira aparição em evento de bem-estar social para professores em área rural da China.

    O bilionário cofundador do grupo Alibaba, gigante do comércio eletrônico chinês, Jack Ma, reapareceu nesta quarta-feira (20) em um vídeo publicado pelo jornal chinês Tianmu News. O empresário falou no evento Jack Ma Rural Teachers Award (Prêmio de Professores Rurais de Jack Ma, na tradução), no qual se juntou a 100 professores rurais de todo o país na província de Zhejiang, onde o grupo Alibaba está baseado, de acordo com o Global Times.

    Jack Ma não fez nenhuma aparição pública ou qualquer postagem em redes sociais desde outubro do ano passado, o que gerou uma grande especulação mundial sobre seu sumiço. O período coincide com a data marcada para a listagem da Ant Group, afiliada financeira do Alibaba, nas bolsas de valores de Xangai e Hong Kong. O IPO da empresa foi bloqueado no último minuto por reguladores chineses, e suas companhias desde então têm sido alvo de uma escalada de repressão à tecnologia pelo governo chinês.

    ​Jack Ma Yun, o professor de inglês que se tornou empresário e ex-presidente executivo da Alibaba, apareceu em um evento de bem-estar social com o tema professor rural por meio de um link de vídeo na quarta-feira[20], sua primeira aparição pública desde que o Alibaba passou por um escrutínio regulatório mais rígido.

    O vídeo postado também mostra imagens de Ma visitando uma escola primária na cidade de Hangzhou no início deste mês, e segundo ele, a tradicional celebração presencial da cerimônia foi cancelada por causa da COVID-19.

    "Nós nos encontraremos novamente depois que a epidemia acabar", disse Ma no vídeo postado pela mídia.

    As ações da Alibaba no mercado de Hong Kong ampliaram rapidamente os ganhos, apresentando alta de mais de 6% nesta quarta-feira (20).

    Mais:

    Nomeada por Biden para chefiar Inteligência Nacional aposta em postura 'agressiva' contra China
    China revela a 1ª rede quântica no mundo impossível de hackear, interceptar ou ser invadida
    China quer acabar com os hackers e dominar o mundo com a ajuda da física quântica
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar