00:07 14 Agosto 2020
Ouvir Rádio
    Ásia e Oceania
    URL curta
    Mundo lidando com COVID-19 no início de abril de 2020 (153)
    230
    Nos siga no

    Adiado para o ano que vem devido ao coronavírus, a realização dos Jogos Olímpicos de Tóquio não está garantida em 2021, disse nesta sexta-feira (10) o chefe do comitê organizador do evento, Toshiro Muto. 

    "Acredito que ninguém pode dizer se será possível controlar a pandemia até julho do ano que vem", afirmou Muto, segundo publicado pela agência AP. 

    "Nós certamente não estamos em posição de dar uma resposta clara", acrescentou. 

    Mesmo após o coronavírus ter começado a se alastrar pelo mundo, a organização dos jogos relutou em adiar a competição. No entanto, com a situação global piorando e apelos dos atletas, o evento foi remarcado para julho de 2021, com os jogos paralímpicos começando em agosto. 

    No Japão, o vírus parecia estar sob controle, mas a contagem diária de novos casos aumentou consideravelmente na semana passada, principalmente em Tóquio e Osaka. 

    Primeiro-ministro declara estado de emergência

    Para combater a disseminação da COVID-19, doença causada pelo vírus, o primeiro-ministro japonês, Shinzo Abe, declarou estado de emergência em Tóquio e outras seis regiões do país na terça-feira (7). 

    "Tomamos a decisão de adiar os jogos por um ano", disse Muto. "Isso quer dizer que tudo o que podemos fazer é trabalhar duro para nos preparar para os jogos. Esperamos sinceramente que, no próximo ano, a humanidade consiga superar a crise do coronavírus", complementou o diretor do comitê organizador. 

    Segundo Muto, antes de pensar em alternativas para um possível novo adiamento, é preciso "colocar todo o esforço" para superar a atual crise.

    Segundo o mapa virtual da Universidade John Hopkins, o Japão registra 5.530 casos do coronavírus e 99 mortes. 

    Tema:
    Mundo lidando com COVID-19 no início de abril de 2020 (153)

    Mais:

    COVID-19 virou 'arma' dos EUA para minar esforços na Síria, dizem Moscou e Damasco
    CBF deveria ajudar mais os clubes financeiramente durante a pandemia, diz sindicato dos atletas
    Número de mortes por coronavírus na Itália aumentou em 579 nas últimas 24h
    Tags:
    doença, saúde, crise, Japão, Tóquio-2020, Tóquio, Olimpíadas, Jogos Olímpicos, pandemia, novo coronavírus
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar