15:16 15 Agosto 2020
Ouvir Rádio
    Ásia e Oceania
    URL curta
    12592
    Nos siga no

    China testará um medicamento antiviral de ação direta Triazavirin, desenvolvido na Rússia, para combater o coronavírus (2019-nCoV), disse aos repórteres o vice-ministro da Saúde russo, Sergei Kraevoi.

    Os médicos russos ainda não conseguiram isolar diretamente a cepa do vírus em pacientes infectados na Rússia para acelerar a criação da vacina, detalhou o vice-ministro russo.

    "A China está comprando o medicamento antiviral russo Triazavirin para testar sua eficácia no combate ao coronavírus", segundo comunicado do Ministério da Saúde russo.

    O medicamento antiviral foi desenvolvido por cientistas da Universidade Federal dos Urais, na Rússia.

    De acordo com os últimos dados, o número de pessoas contaminadas no mundo ultrapassou 20,6 mil pacientes, sendo que 427 deles morreram.

    Situação de emergência

    No final de dezembro, as autoridades chinesas relataram um surto de pneumonia de origem desconhecida na cidade densamente povoada de Wuhan, província de Hubei. A causa da doença foi um novo tipo de coronavírus, o 2019-nCoV.

    Médicos borrifam cidadãos indonésios com antisséptico após serem evacuados de cidade epicentro de surto de coronavírus na China, Wuhan
    © REUTERS / Antara Foto
    Médicos borrifam cidadãos indonésios com antisséptico após serem evacuados de cidade epicentro de surto de coronavírus na China, Wuhan

    A Organização Mundial de Saúde (OMS) reconheceu o surto de 2019-nCoV como uma situação de emergência de importância internacional.

    Mais:

    Hong Kong registra 1ª morte causada pelo novo coronavírus
    Ministério da Saúde diz que vai declarar estado de emergência por coronavírus
    Tratamento encontrado? Coquetel antiviral teria curado paciente com coronavírus em 48 horas
    Tags:
    vírus, medicamentos, vacina, China
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar