02:56 27 Janeiro 2020
Ouvir Rádio
    Ásia e Oceania
    URL curta
    112
    Nos siga no

    Pelo menos 43 pessoas morreram em um grande incêndio que atingiu uma fábrica na capital da Índia, Nova Deli, na manhã deste domingo (8), informou a ANI, citando a polícia.

    De acordo com o jornal Hindustan Times, 64 pessoas foram transportadas para três centros médicos, a maioria delas afetada pela fumaça, incluindo 22 que sofreram lesões de graus variados.

    Segundo o representante do corpo de bombeiros local, o incêndio já foi completamente extinto e as operações de resgate continuam, informa a mídia.

    A maioria das vítimas estava dormindo nas dependências da fábrica, segundo a NDTV. No total, havia cerca de 60-70 pessoas no estabelecimento, que também era usado para alojar trabalhadores, quando o acidente aconteceu.

    ​Nova Deli: fogo eclodiu em fábrica em Anaj Mandi, Rani Jhansi Road nas primeiras horas da manhã de hoje (8), 11 pessoas resgatadas até agora; no local estão 15 bombeiros

    As chamas, que atingiram uma área de cerca de 55 metros quadrados, foram extintas por 27 bombeiros. Os médicos continuam prestando assistência às vítimas. A polícia está investigando as causas do incêndio, que ainda continuam desconhecidas.

    O primeiro-ministro da Índia, Narendra Modi, ecoou o incidente, que ele chamou de "horrível".

    "O incêndio de Anaj Mandi, em Delhi, na Rani Jhansi Road é horrível. Meus pensamentos estão com aqueles que perderam seus entes queridos. Desejo uma rápida recuperação aos feridos. As autoridades estão prestando toda a assistência possível no local da tragédia", escreveu o premiê no Twitter.

    Mais:

    Incêndio em faculdade em Odessa deixa 1 morto e 26 feridos
    Rio: incêndio no Corcovado não deixa feridos
    Incêndio de grandes proporções em fábrica química na França pode contaminar rio Sena (VÍDEO)
    Tags:
    fábrica, incêndio, mortes, Nova Deli, Índia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar