04:07 18 Fevereiro 2020
Ouvir Rádio
    Ásia e Oceania
    URL curta
    15370
    Nos siga no

    O embaixador da Coreia do Norte na ONU, Kim Song, disse que a desnuclearização de seu país não está incluída na agenda de negociações dos EUA.

    "Não precisamos manter longas conversas com os EUA agora, e a desnuclearização não está mais incluída na agenda de negociações", disse o diplomata, citado pela Reuters.

    Kim Song argumentou em um comunicado que o "diálogo duradouro e substancial" exigido pelos EUA nada mais era do que uma "tática dilatória" ligada à agenda política interna do país norte-americano no contexto das eleições presidenciais de novembro de 2020.

    Anteriormente, o presidente dos EUA, Donald Trump, não descartou a possibilidade de usar força militar contra a Coreia do Norte, caso seja necessário.

    ​O chefe do Estado Maior do Exército Popular Coreano, Pak Jong-chon, alertou que Pyongyang retaliará Washington em caso de uso da força militar.

    Desde 2018, os líderes dos EUA e da Coreia do Norte, Donald Trump e Kim Jong-un, realizam três reuniões nas quais concordaram em avançar para a desnuclearização da península e a normalização das relações.

    No entanto, as negociações entre Pyongyang e Washington para desnuclearizar a península ficaram paralisadas nos últimos meses.

    Mais:

    'Amigo' de Kim, Trump alerta que pode usar 'exército mais poderoso do mundo' contra Coreia do Norte
    Trump recebe alerta da Coreia do Norte: nos atacar seria 'horrível' para os EUA
    FOTO de satélite sugere que Coreia do Norte retoma atividades em polígono anteriormente desmantelado
    Tags:
    Kim Jong-un, Donald Trump, programa nuclear, desnuclearização, eua, Coreia do Norte
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar