21:02 16 Outubro 2019
Ouvir Rádio
    Helicóptero Mi-17 da Força Aérea Indiana

    Índia admite ter derrubado próprio helicóptero Mi-17 ao combater Paquistão

    © Sputnik / Sindhu Singh
    Ásia e Oceania
    URL curta
    393
    Nos siga no

    Com o aumento das tensões entre a Índia e o Paquistão em fevereiro de 2019 e a luta entre as forças aéreas das duas nações, a Força Aérea indiana (FAI) perdeu um Mi-17 em um incidente de "fogo amigável".

    A Força Aérea indiana finalizou a investigação aberta anteriormente sobre a queda de um helicóptero Mi-17 do seu arsenal, declarou o comandante da FAI, marechal Rakesh Kumar Singh Bhadauria, em Nova Deli nesta sexta-feira (4).

    "Foi um erro nosso. Nosso míssil atingiu nosso próprio helicóptero. Vamos tomar medidas contra dois oficiais. Aceitamos que o grande erro foi nosso e vamos garantir que erros como esse não se repitam futuramente", admitiu o marechal Bhadauria, em sua primeira coletiva de imprensa após assumir o comando da Força Aérea da Índia.

    O helicóptero foi abatido um dia depois do bombardeio entre as forças aéreas indiana e paquistanesa, ocasionado pelo ataque aéreo de Balakot em 26 de fevereiro. Além de derrubar seu helicóptero, indianos também abateram um caça F-16 do Paquistão.

    O contra-ataque indiano de Balakot a um suspeito campo de treinamento do grupo terrorista Jaish-e-Mohammad (JeM) foi impulsionado pelo ataque suicida contra tropas indianas em Pulwama em 14 de fevereiro. JeM assumiu a responsabilidade pelo ataque a uma cavalgada de tropas, que matou 40 homens.

    Aumento das forças indianas

    Durante a coletiva de imprensa, o marechal Bhadauria também mencionou a aquisição de caças Rafale franceses e dos sistemas russos de defesa antiaérea S-400 para reforço da Força Aérea indiana.

    A Índia assinou um acordo em 2016 com a França e a Dassault Aviation para compra de 36 caças por 7,8 bilhões de euros (R$ 34,8 bilhões). Caças Rafale são capazes de transportar uma série de potentes armas e mísseis.

    Além dos caças franceses, Nova Deli está adquirindo cinco sistemas S-400 de Moscou por US$ 5,43 bilhões (R$ 22,1 bilhões), desafiando ameaças de sanções dos EUA.

    Mais:

    Paquistão acusa Índia por morte de soldado na Caxemira
    Ministro inflama relações com o Paquistão: 'a Caxemira será toda da Índia'
    Premiê do Paquistão pede que o mundo atue para evitar 'guerra nuclear' com a Índia
    Tags:
    fogo, helicóptero, Índia, Paquistão
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar