17:34 12 Novembro 2019
Ouvir Rádio
    A Índia realizou com sucesso o lançamento de teste do seu inovador míssil balístico intercontinental Agni-5

    Diplomata indiano alerta que fala do premiê do Paquistão na ONU é 'diplomacia nuclear perigosa'

    © AP Photo / Ministério da Defesa da Índia
    Ásia e Oceania
    URL curta
    221
    Nos siga no

    O embaixador da Índia na Rússia, Shri D. Bala Venkatesh Varma, criticou o recente discurso do primeiro-ministro paquistanês Imran Khan na Assembleia Geral da ONU, classificando-o como uma diplomacia nuclear perigosa.

    A informação foi dada à Sputnik neste sábado pelo segundo secretário da embaixada indiana em solo russo, Sunayna Gahlot.

    Na sexta-feira, Khan se dirigiu à Assembleia Geral da ONU, dizendo que o Paquistão reagiria aos desenvolvimentos na parte indiana da região da Caxemira. Ele ressaltou que Islamabad lutaria pela Caxemira, acrescentando que "quando potências nucleares lutam até o fim, as consequências irão muito além das suas fronteiras".

    "O registro do Paquistão como epicentro do terrorismo global foi testemunhado na ONU. O Paquistão não recebeu apoio da comunidade internacional", afirmou Varma, citado por Gahlot à Sputnik.

    A situação na Caxemira tem sido consistentemente tensa em meio a reivindicações conflitantes de soberania da Índia e do Paquistão. A crise se aprofundou no início de agosto, quando Nova Déli decidiu anular o status especial do estado de Jammu e Caxemira, administrado pela Índia, e colocá-lo sob controle federal direto.

    Anteriormente, o território tinha desfrutado de sua própria Constituição e direitos de tomada de decisão autônomos em todas as áreas, exceto na defesa, em assuntos externos e nas comunicações. Antes da mudança, a Índia enviou tropas adicionais para Jammu e Caxemira e a colocou sob um toque de recolher.

    Mais:

    Índia está pronta para avançar e ficar com lado paquistanês da Caxemira, diz ministro
    Índia ativa pista de pouso militar para caças perto da fronteira com China (VÍDEO)
    EUA e Índia realizarão exercício militar em novembro
    Tags:
    guerra, armas nucleares, relações bilaterais, Caxemira, diplomacia, Imran Khan, Assembleia Geral da ONU, ONU, Índia, Paquistão
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar