08:11 21 Setembro 2019
Ouvir Rádio
    Agentes de polícia da china durante serviço (arquivo)

    Consulado do Canadá em Hong Kong proíbe viagens de funcionários à China continental

    © AFP 2019 / Isaac Lawrence
    Ásia e Oceania
    URL curta
    0 21
    Nos siga no

    O Consulado do Canadá em Hong Kong disse nesta sexta-feira que suspendeu as viagens de seus funcionários para a China continental, em meio aos recentes tumultos na região.

    A decisão ocorre alguns dias depois de um funcionário do consulado do Reino Unido em Hong Kong ser detido na China.

    De acordo com a Reuters, em e-mail enviado à agência, a missão diplomática canadense não deu detalhes sobre o motivo das restrições. 

    ​Na última quarta-feira, o Ministério das Relações Exteriores da China confirmou que Simon Cheng, um funcionário do consulado britânico em Hong Kong, foi preso pelas autoridades durante um deslocamento até a cidade de Shenzhen, na província de Cantão. Segundo as autoridades, o jovem de 28 anos seria submetido a uma detenção administrativa por "instigar a prostituição".

    Mais:

    Pequim acusa EUA de estarem envolvidos em 'atividades criminosas contra a China' em Hong Kong
    China concentra veículos militares perto de Hong Kong (VÍDEO)
    China ataca Taiwan por oferta de asilo a manifestantes de Hong Kong
    Tags:
    Reino Unido, Shenzhen, Pequim, Ásia, Cantão, China, Hong Kong, Canadá
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar