01:57 24 Julho 2019
Ouvir Rádio
    Submarino classe Ohio (Estados Unidos)

    Quais são as armas bilionárias que a Coreia do Sul vai comprar dos EUA?

    © AP Photo / Eric Talmadge
    Ásia e Oceania
    URL curta
    Viagem de Trump pela Ásia (24)
    859

    Em sua passagem pela Coreia do Sul nesta terça-feira, o presidente norte-americano Donald Trump exaltou os acordos militares fechados entre Washington e Seul, que renderão bilhões de dólares aos Estados Unidos em troca de armas que os sul-coreanos não possuem em seu arsenal.

    "Temos o melhor equipamento militar no mundo e a Coreia do Sul pedirá bilhões de dólares desse equipamento, o que para eles faz muito sentido e para nós significa empregos e reduzindo nosso déficit comercial com a Coreia do Sul", afirmou Trump, citado pela agência de notícias Yonhap.

    "Eles estarão ordenando bilhões de dólares em equipamentos e já aprovamos algumas dessas ordens", completou o presidente dos Estados Unidos. Presente ao lado de Trump na mesma coletiva de imprensa, o presidente sul-coreano Moon Jae-in confirmou a negociação.

    "Concordamos em começar imediatamente as consultas para a aquisição e o desenvolvimento da Coreia do Sul de recursos de vigilância militar de última geração", revelou.

    A capacidade de defesa de Seul contra as ameaças militares da Coreia do Norte foram um dos tópicos do encontro entre Trump e Moon na capil sul-coreana. De acordo com a agência de notícias local, as Forças Armadas da Coreia do Sul definiram quais são as suas prioridades para reforçar as suas defesas.

    Um dos equipamentos que Seul quer adquirir junto aos EUA são satélites espiões para ajudar a monitorar as atividades nucleares e de mísseis da Coreia do Norte. Os outros são submarinos nucleares, ausentes da frota marítima da Marinha local. Ambas as armas nunca foram negociadas pelos norte-americanos com outros países.

    Segundo a Yonhap, o governo da Coreia do Sul sugeriu a venda de tais equipamentos militares por meio de um "desenvolvimento conjunto", com a devida transferência de tecnologia relevante. Os detalhes de tais acordos, porém, ainda não foram revelados e Seul destacou apenas que tudo está sendo conversado entre os dois países.

    Outros equipamentos que os sul-coreanos têm interesse são o sistema de vigilância conjunta e radar de ataque alvo (JSTARS), o interceptor baseado no navio SM-3, o avião de patrulha marítima P-8A, e mais caças 20 F-35.

    Até aqui, a Coreia do Sul já gastou US$ 32 bilhões com armas fornecidas pelos EUA apenas na última década. As compras incluem quatro veículos aéreos não tripulados RQ-4 Global Hawk (UAVs) e 40 caças F-35.

    Tema:
    Viagem de Trump pela Ásia (24)

    Mais:

    'Limites ultrapassados' de Trump estariam estimulando avanço nuclear da Coreia do Norte?
    Quantas vidas vai custar uma invasão terrestre norte-americana da Coreia do Norte?
    Senador russo: guerra contra Coreia do Norte é 'caminho muito perigoso' para Washington
    Tags:
    guerra, acordo militar, diplomacia, relações bilaterais, armamentos pesados, satélite espião, submarino nuclear, Moon Jae-in, Donald Trump, Coreia do Norte, Coreia do Sul, Estados Unidos
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar