12:42 28 Outubro 2021
Ouvir Rádio
    Ásia e Oceania
    URL curta
    2537
    Nos siga no

    Na presença do líder do país, Kim Jong-un, a Força Aérea da Coreia do Norte inspecionou seus aviões de combate durante treinamento de ataque contra porta-aviões norte-americanos.

    A informação foi divulgada pela agência de notícias estatal da Coreia do Norte, KCNA, que cita o comandante da Força Aérea do Exército Popular da Coreia. De acordo com o comandante, a inspeção foi "um teste significante" de "eliminação de qualquer alvo em um golpe, inclusive porta-aviões inimigos". Além disso, a inspeção foi organizada para "entusiasmar o exército a concluir a luta pela reunificação da pátria".

    Como destaca a KCNA, Kim Jong-un ficou contente com a observação de voos e ordenou reforçar a capacidade da Força Aérea do país.

    Os Estados Unidos e a Coreia do Norte, de maneira formal, estão em estado de guerra, pois depois do conflito militar de 1950-1953 as partes apenas assinaram o acordo de trégua. Todas as tentativas empreendidas por Pyongyang de concretizar acordo de paz com Washington foram rejeitadas pela capital norte-americana.

    A tensão militar entre os dois países vem se agravando devido aos testes nucleares da Coreia do Norte, realizados sob pretexto da ameaça dos EUA – país que enviou navios de guerra para área da península da Coreia e vem realizando manobras conjuntas com Seul.

    Mais:

    Coreia do Norte chama testes de intercepção americanos de 'blefe' e 'provocação militar'
    Especialista: Coreia do Norte ainda precisa de cinco anos para construir ICBMs
    Coreia do Sul e Japão concordam em aumentar pressão sobre Coreia do Norte
    Tags:
    Coreia do Norte, EUA, Kim Jong-un, Força Aérea, porta-aviões, ataque, treinamento
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar