11:42 26 Setembro 2017
Ouvir Rádio
    Uma bandeira nacional chinesa vibra no vento entre um complexo residential de grande altura e do escritório em Beijing, China (foto arquiva)

    China não comprará reconhecimento de São Tomé e Príncipe

    © AP Photo/ Andy Wong
    Ásia e Oceania
    URL curta
    12081123

    Pequim diz que o princípio da China única não pode ser comercializado.

    Depois de Taiwan afirmar que São Tomé e Príncipe pediu "uma soma astronômica de dinheiro" para continuar com o reconhecimento do país, o porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da China, Huan Chunying disse que o princípio da China única não deve ser comercializado.

    "Nós apreciamos e damos as boas-vindas ao retorno de São Tomé e Príncipe ao caminho correto de aderir à política da China única. A justiça está nos corações das pessoas", disse Huan, acrescentando que o princípio tem amplo respaldo na comunidade internacional.

    São Tomé e Príncipe, uma nação insular no Golfo da Guiné, anunciou na terça-feira que cortou laços diplomáticos com Taiwan.

    Mais:

    China apresenta 'protesto diplomático' após ligação entre Trump e presidente de Taiwan
    Donald Trump fala sobre ligação com presidente de Taiwan
    Trump conversa com presidente de Taiwan sob risco de 'raiva' chinesa
    General chinês pretende solucionar questão de Taiwan por meio da força
    Tags:
    Ministério das Relações Exteriores da China, Huan Chunying, Golfo da Guiné, São Tomé e Príncipe, Taiwan, China
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik