13:43 21 Junho 2021
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    Situação mundial da COVID-19 no início de fevereiro de 2021 (80)
    3311
    Nos siga no

    O presidente da Rússia, Vladimir Putin, conversou nesta terça-feira (2) por telefone com seu homólogo argentino Alberto Fernández, que agradeceu ao líder russo pelo fornecimento da vacina Sputnik V. A informação foi divulgada pela assessoria de imprensa do Kremlin.

    A Argentina deu início à campanha de vacinação contra a COVID-19 no dia 29 de dezembro. Desde então, o país já recebeu dois lotes da Sputnik V. O presidente argentino, Alberto Fernández, foi o primeiro presidente sul-americano a ser vacinado contra a COVID-19.

    "Foram discutidas detalhadamente as questões de cooperação no combate à propagação da infecção por coronavírus. Alberto Fernández agradeceu pela entrega à Argentina da vacina russa Sputnik V, que está sendo ativamente utilizada na campanha de vacinação em massa da população realizada no país", diz o comunicado.

    Ainda na conversa, foi destacada a alta eficiência do imunizante russo. As partes concordaram em estimular novos contatos entre as estruturas especializadas dos dois países.

    ​"Os presidentes também falaram a favor do desenvolvimento de toda a gama de relações russo-argentinas mutuamente benéficas", acrescenta a nota do Kremlin.

    Alberto Fernández, por sua vez, após receber o convite de Vladimir Putin, prometeu visitar a Rússia, informou o gabinete do líder argentino.

    "Durante a conversa, Putin convidou o presidente Fernández para visitar a Rússia, o presidente da Argentina garantiu que viria, já que a interação entre os países é uma prioridade", diz o comunicado.

    A revista científica The Lancet publicou nesta terça-feira (2) um estudo mostrando que a eficácia da vacina Sputnik V é de 91,6% em um regime de duas doses. A eficácia e segurança do imunizante russo foram comprovadas durante o ensaio clínico de fase três da vacina.

    Tema:
    Situação mundial da COVID-19 no início de fevereiro de 2021 (80)

    Mais:

    'Expectativa favorável': STF pode aprovar uso da vacina Sputnik V no Brasil
    Argentina perde 400 vacinas russas contra COVID-19 devido a falha no sistema de refrigeração
    RFPI: Índia será produtor-chave da Sputnik V com o mesmo volume da Rússia
    Críticos da Sputnik V silenciaram após testes bem-sucedidos, diz RFPI
    Argentina volta a fechar fronteiras devido à COVID-19
    Tags:
    vacina, Sputnik V, Vladimir Putin, Alberto Fernández, novo coronavírus, COVID-19
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar