15:06 29 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    293
    Nos siga no

    A Marcha das Mulheres organizou neste sábado (17) um protesto em Washington e em outras cidades dos EUA contra as políticas do presidente Donald Trump e contra a indicação de Amy Coney Barrett para a Suprema Corte.

    Os protestos ocorrem no contexto da campanha das eleições presidenciais dos EUA e têm como principal objetivo fazer com que os norte-americanos votem contra o presidente Trump.

    ​A diretora-executiva da Marcha das Mulheres, Rachel O'Leary Carmona, discursou durante o comício pedindo às pessoas que usassem máscaras e respeitassem um distanciamento. Ela falou sobre o poder das mulheres para acabar com a presidência de Donald Trump.

    "Sua presidência começou com mulheres marchando e agora vai terminar com mulheres votando. Ponto final", disse ela.

    Dezenas de outros protestos foram marcados de Nova York a São Francisco para sinalizar oposição a Trump e suas políticas.

    A manifestação faz parte de uma série de marchas feministas que começaram no dia seguinte à posse de Donald Trump na presidência, em janeiro de 2017.

    Mais:

    Trump se recusa a participar de debate presidencial virtual com Biden
    Tweet de Trump sobre ser 'imune' à COVID-19 é marcado como informações 'potencialmente nocivas'
    Líder do combate à COVID-19 nos EUA nega apoio a Trump sugerido em comercial de campanha
    Segundo debate entre Trump e Biden é oficialmente cancelado
    Tags:
    eleições, feministas, protesto, comício, Donald Trump, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar