15:35 29 Setembro 2020
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    Pandemia da COVID-19 e o mundo no início de maio (100)
    111847
    Nos siga no

    Bing Liu se tinha formado em Singapura e estava realizando trabalho de "excelência científica" sobre características do coronavírus antes de perder a vida de forma abrupta.

    Um investigador médico da Universidade de Pittsburgh, EUA, foi morto a tiros dentro de sua casa em Ross Township, estado de Pensilvânia, EUA, relata a emissora NBC News citando autoridades locais.

    Como parte da instituição, Bing Liu, de 37 anos, estava investigando o funcionamento do SARS-CoV-2, vírus que provoca a COVID-19. Acabou por ser morto no sábado (2) por Hao Gu, segundo a polícia de Ross Township.

    Bing Liu, um pesquisador da Universidade de Pittsburgh que estava prestes a fazer "descobertas muito significativas" relacionadas à COVID-19, foi morto a tiros no sábado, informou a CNN. A polícia disse que há "zero indicações de que foi alvejado devido a ele ser chinês", segundo o relatório.

    "Bing estava prestes a fazer descobertas muito significativas para compreender os mecanismos celulares que estão na base da infecção pelo SARS-CoV-2 e a base celular das seguintes complicações", escreve o Departamento de Biologia Computacional e Sistemas da Universidade de Pittsburgh.

    "Vamos fazer um esforço para completar o que ele começou, em um esforço para homenagear sua excelência científica."

    Resultados da investigação

    De acordo com a polícia de Ross Township, a razão da morte do professor chinês foi uma disputa com Hao Gu, o que não tinha nada a ver com o trabalho que realizava na instituição de ensino.

    Nossa investigação das circunstâncias em torno das mortes de Bing Lu e Hao Gu indica que as ações ocorridas no sábado, 2 de maio de 2020, foram o resultado de uma longa disputa em torno de um parceiro íntimo.

    Encontramos zero evidências de que este trágico evento tenha algo a ver com o emprego na Universidade de Pittsburgh, qualquer trabalho sendo realizado na Universidade de Pittsburgh e a atual crise de saúde que afeta os Estados Unidos e o mundo.

    Devido ao fato de os indivíduos envolvidos não serem cidadãos dos Estados Unidos e de acordo com o protocolo de longa data, nossa revisão foi encaminhada às autoridades federais.

    Liu era doutorado em ciências computacionais pela Universidade Nacional de Singapura, trabalhando como pós-doutorando na Universidade Carnegie Mellon antes de se tornar pesquisador associado na Faculdade de Medicina da Universidade de Pittsburgh, ambas nos EUA, e os membros da faculdade de medicina descreveram-no como um pesquisador excepcional.

    Tema:
    Pandemia da COVID-19 e o mundo no início de maio (100)

    Mais:

    Cientistas italianos afirmam ter desenvolvido 1ª vacina do mundo contra coronavírus
    Tiroteio em consultório médico na Alemanha resulta em vários feridos
    Hong Kong diz ter 'receita' para acabar com coronavírus
    Canadá: polícia confirma morte de 16 pessoas por atirador em ação que durou 12 horas
    Tiroteio no Bronx: atirador abre fogo dentro de delegacia de polícia em Nova York
    Tags:
    NBC News, Pensilvânia, CNN, COVID-19, Singapura, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar