14:58 19 Novembro 2019
Ouvir Rádio
    Presidente boliviano, Evo Morales

    Evo Morales anuncia novas eleições na Bolívia

    © REUTERS / Enzo De Luca/Cortesia da Presidência Boliviana
    Américas
    URL curta
    125913
    Nos siga no

    Após auditores da OEA afirmarem que teria havido manipulação nas eleições bolivianas, o presidente do país, Evo Morales, anuncia novo pleito.

    Reconhecendo a divisão política que seu país tem vivido, o presidente boliviano, após protestos e a acusação de fraude nas eleições de 20 de outubro, decidiu por novas eleições.

    "Decidi convocar novas eleições nacionais que, mediante o voto, permitam ao povo boliviano eleger democraticamente suas novas autoridades, incorporando novos atores políticos", declarou Evo Morales em cadeia nacional transmitida pelo canal de TV Unitel.

    Além disso, Evo Morales conclamou os cidadãos bolivianos a pôr fim às tensões políticas.

    "À imprensa e ao povo da Bolívia, depois desta decisão que tomamos quero pedir [que] reduzam toda a tensão. Todos [nós] temos a obrigação de pacificar a Bolívia", acrescentou o presidente.

    Parecer da OEA

    A Organização dos Estados Americanos tinha denunciado "uma clara manipulação" do sistema de transmissão de resultados do pleito realizado em 20 de outubro.

    Desde o anúncio dos resultados das últimas eleições, a oposição do país foi as ruas em manifestação contra os resultados.

    Mais:

    Evo Morales denuncia tentativa de golpe de Estado na Bolívia
    Bolívia: Mesa diz que só não assumirá presidência se for preso
    A conspiração contra Bolívar e a 'destruição' da nação venezuelana
    Tags:
    Organização dos Estados Americanos (OEA), protesto, resultado, oposição, Evo Morales, Eleições na Bolívia, Bolívia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar