02:55 20 Setembro 2019
Ouvir Rádio
    Presidente dos EUA, Donald Trump, durante coletiva de imprensa com o presidente da Rússia, Vladimir Putin, após reunião em Helsinque em 16 de julho de 2018

    Trump: retorno da Rússia ao G7 seria apropriado

    © Sputnik / Sergei Guneev
    Américas
    URL curta
    15327
    Nos siga no

    O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, demonstrou hoje interesse em ver a Rússia de volta ao grupo do G7, afirmando que isso seria muito mais apropriado.

    Em conversa com jornalistas na Casa Branca, o atual chefe de Estado norte-americano culpou seu antecessor, o democrata Barack Obama, pela saída de Moscou do então G8, e explicou por que acredita que a Rússia deveria voltar grupo.

    "Eu acho muito mais apropriado ter a Rússia dentro. Deveria ser o G8 porque muitas das coisas sobre as quais conversamos têm a ver com a Rússia", resumiu o presidente dos EUA, em declarações à imprensa, dizendo que pensaria positivamente sobre isso se alguém sugerisse a volta da Rússia ao grupo. 

    ​A próxima reunião de cúpula do G7 ocorre em Biarritz, na França, entre os dias 24 e 26 deste mês. A Rússia está fora do grupo desde 2014, quando foi punida pelos demais membros por conta da reintegração da Crimeia ao território russo. Atualmente, o grupo é formado por Estados Unidos, Alemanha, França, Japão, Reino Unido, Itália e Canadá.

    Mais:

    G7 contra BRICS: quem vencerá a guerra comercial?
    G7 aplaude ajustes econômicos do governo argentino e acordo com FMI
    Ucrânia pede posição de G7, UE e EUA sobre eleições nas repúblicas de Donetsk e Luhansk
    G7 pode terminar sem comunicado conjunto pela primeira vez desde 1975
    Tags:
    Japão, Itália, Reino Unido, Canadá, Alemanha, G8, G7, Crimeia, Donald Trump, França, Rússia, EUA, Europa
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar