21:18 08 Dezembro 2019
Ouvir Rádio
    Militante do Hezbollah na Torre de Vigilância

    EUA condenam empresário libanês a 5 anos de prisão por financiar o Hezbollah

    © AP Photo / Bilal Hussein
    Américas
    URL curta
    606
    Nos siga no

    Um empresário libanês foi condenado a 5 anos em uma prisão dos Estados Unidos, informou o Departamento de Justiça em um comunicado à imprensa.

    "O operador de uma rede de empresas no Líbano e na África, que o Departamento do Tesouro dos EUA designou como financista do Hezbollah, o grupo baseado no Líbano e que é apontado como terrorista por Washington, foi condenado a cinco anos de prisão e condenado a perder US$ 50 milhões", publicou nesta quinta-feira (8).

    Kassim Tajideen, de 63 anos, já se declarou culpado de lavagem de instrumentos monetários e violação de sanções, segundo o comunicado.

    O texto também aponta que Tajideen admitiu que conspirou com pelo menos cinco outras pessoas para realizar mais de US$ 50 milhões em transações com empresas norte-americanas que violaram a lei dos EUA.

    Em 2009, o Departamento do Tesouro designou Tajideen como "terrorista global especialmente designado", com base em suas dezenas de milhões de dólares em apoio financeiro ao Hezbollah, segundo o comunicado.

    Mais:

    Objetivo do Hezbollah é a 'destruição de Israel', diz deputada da direita alemã
    Hezbollah: Novas sanções ampliam ataque dos EUA ao Líbano
    Hezbollah diz que Irã é capaz de bombardear Israel se guerra com os EUA começar
    Argentina foi muito pressionada para declarar Hezbollah como terrorista, dizem especialistas
    Tags:
    Washington, Líbano, Hezbollah
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar