15:28 19 Janeiro 2020
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    0 13
    Nos siga no

    Os dois candidatos ao cargo de presidente da Guatemala questionaram neste sábado (27) a validade do acordo fechado pelo governo do país com os Estados Unidos e que visa conter o fluxo de migrantes rumo à América do Norte.

    O presidente dos EUA, Donald Trump, disse que não vai aplicar sanções econômicas contra a Guatemala depois dos dois países concordarem em adotar medidas para diminuir o número de pedidos de asilo nos EUA de imigrantes de Honduras e El Salvador.

    O acordo torna a Guatemala um "terceiro país seguro", onde os imigrantes solicitarão asilo em vez de permanecer nos EUA.

    O Tribunal Constitucional da Guatemala já havia decidido que um acordo deste tipo precisa de aprovação prévia do Congresso guatemalteco, que está em um recesso de verão.

    Tanto Sandra Torres, candidata de centro-esquerda, quanto o conservador Alejandro Giammattei criticaram o acordo. Um dos dois irá suceder o presidente Jimmy Morales após o segundo turno das eleições e irá assumir em janeiro de 2020. 

    Giammattei disse que o acordo é uma "notícia ruim" para a Guatemala. Já Sandra Torres questionou sua legalidade.

    Mais:

    'Do tamanho de uma van': OVNI é capturado em VÍDEO enquanto sobrevoa céu dos EUA
    Maior avião de carga dos EUA pega fogo durante aterrissagem (VÍDEOS)
    Submarino nuclear dos EUA chega a Coreia do Sul depois de teste norte-coreano, diz mídia
    Forças Armadas venezuelanas detectam novos aviões espiões dos EUA
    Pelo menos 20 combatentes do Talibã são mortos em ataques aéreos dos EUA no Afeganistão
    Tags:
    Estados Unidos, Guatemala
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar