17:55 23 Outubro 2019
Ouvir Rádio
    O vice-presidente dos EUA, Mike Pence, gesticula durante o evento de criação da Força Espacial dos EUA.

    EUA removem todas as sanções contra militar que decidiu apoiar Guaidó

    © AP Photo / Evan Vucci
    Américas
    URL curta
    513
    Nos siga no

    Os EUA suspenderam todas as sanções contra o ex-chefe da inteligência da Venezuela, general Manuel Cristopher Figuera, depois que ele rompeu com o presidente Nicolás Maduro na semana passada para apoiar o líder da oposição Juan Guaido. A informação foi divulgada pelo vice-presidente dos EUA, Mike Pence.

    "Em reconhecimento por suas ações recentes em apoio à democracia e ao estado de direito, estou anunciando hoje que os Estados Unidos estão removendo imediatamente todas as sanções contra o general Manuel Cristopher Figuera", disse Pence à Conferência de Washington sobre as Américas no Departamento de Estado nesta terça-feira (7).

    O Departamento do Tesouro disse em um comunicado na terça-feira que a decisão de remover todas as sanções contra Figuera demonstra a intenção de Washington de trazer uma mudança positiva de comportamento por meio das sanções.

    Mike Pence acrescentou que os EUA responsabilizarão os 25 magistrados da Suprema Corte da Venezuela se estes não respeitarem o Estado de direito no país. De acordo com ele, a Suprema Corte da Venezuela minou seu mandato constitucional e se tornou uma ferramenta política.

    A situação na Venezuela continua tensa desde janeiro, quando Guaidó se autoproclamou presidente interino. Os Estados Unidos e outros 54 países reconheceram o opositor e conclamaram Maduro a renunciar. Rússia, China e vários outros países disseram reconhecer Maduro como o único presidente legítimo da Venezuela.

    Mais:

    Em meio a crise na Venezuela, EUA vão enviar navio hospitalar na região
    Ex-relator da ONU: Maduro poderia ser morto para EUA aumentarem pressão sobre Venezuela
    Guaidó considera pedir aos EUA para intervirem na Venezuela
    Senador russo: intervenção militar dos EUA na Venezuela será considerada 'agressão'
    Tags:
    militares, sanções, Juan Guaidó, Mike Pence, Nicolás Maduro, Venezuela, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar