01:37 16 Setembro 2019
Ouvir Rádio
    President Donald Trump, flanked by members of law enforcement, speaks before signing bills in the Diplomatic Reception Room at the White House

    Trump sanciona reforma tributária de US$1,5 bilhão

    © AP Photo / Alex Brandon
    Américas
    URL curta
    131
    Nos siga no

    A reforma é polêmica, pois garantiria maiores cortes de impostos para grandes empresas e menores cortes para cidadãos da classe média. Defensores acreditam em efeito positivo na economia.

    O presidente estadunidense confirmou há cerca de uma hora em sua conta no Twitter que assinaria a lei ainda antes de deixar Washington em direção à sua casa no resort de Mar-a-Lago, na Flórida, onde pretende passar o feriado de Natal. Junto com a lei de isenção, o presidente republicano também assinou outra lei que garantiria aporte de US$ 4 bilhões para mísseis de defesa. 

    ​Trump defende que a reforma tributária aumentará investimentos e por consequência gerará empregos, o que deve impactar positivamente na economia de seu país.
    Por outro lado, a reforma tributária tem sido criticada por opositores políticos e movimentos sociais dos Estados Unidos. Segundo as críticas, a lei trará benefícios apenas aos ricos, e deixará a classe trabalhadora no prejuízo.

    O senador democrata Bernie Sanders tem sido uma das vozes mais fortes contra a lei. Na quarta-feira (20), em entrevista à CNN, Sanders afirmou que a reforma é um "desastre para o povo norte-americano". Ele ainda afirmou que a medida é boa "para bilionários como Donald Trump, uma vitória para a campanha dos contribuintes ricos". 

    Além de Sanders, o prêmio Nobel da economia de 2017, Richard Thaler, chegou a afirmar que a lei aumentará a desigualdade. "Uma reforma fiscal que tem como o principal efeito o aumento da desigualdade parece ser equivocada".

    Mais:

    Qual seria desculpa de Trump para parar de ajudar países-membros da ONU?
    Senador ironiza Trump: Votação na ONU sobre Jerusalém mostra uma 'América sozinha'
    Reforma fiscal de Trump aumentará desigualdade, diz prêmio Nobel de Economia
    Trump apela para a necessidade de aplicar reforma migratória após ataque em Nova York
    Tags:
    reforma tributária, Partido Democrata, Partido Republicano, Donald Trump, Bernie Sanders, Estados Unidos
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar