Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Dólar sobe e encosta nos R$ 5,50, fechando dia no maior patamar desde janeiro

© Folhapress / Gilson JunioCédulas de dólares (foto de arquivo)
Cédulas de dólares (foto de arquivo) - Sputnik Brasil, 1920, 21.07.2022
Nos siga noTelegram
O dólar continua sua trajetória de alta e fechou cotado a R$ 5,4970, com uma valorização de 0,66%, nesta quinta-feira (21), maior patamar de fechamento desde 24 de janeiro, quando encerrou o dia em R$ 5,5017.
Na quarta-feira (20), a moeda americana havia subido 0,71%, terminando cotada a R$ 5,4607. Com o resultado de hoje, agora o dólar acumula alta de 1,71% nesta semana e de 5,05% no mês. No ano, a moeda tem desvalorização de 1,40% frente ao real, conforme noticiou o G1.
Com temores de uma crise energética e perspectivas econômicas negativas, o Banco Central Europeu (BCE) elevou a taxa básica de juros da zona euro, nesta quinta-feira (21), pela primeira vez em mais de uma década. A alta foi de 0,5 ponto percentual e levou a taxa a zero.
Na próxima semana, os Estados Unidos podem definir um reajuste em sua taxa de juros. De acordo com o G1, especialistas de mercado esperam uma alta de 0,75 ponto percentual. Anteriormente a previsão era de elevação de 1 ponto percentual.
Presidente norte-americano, Joe Biden, com a primeira-ministra sueca, Magdalena Andersson, e o presidente finlandês, Sauli Niinisto, durante declaração conjunta para a imprensa após reunião na Casa Branca - Sputnik Brasil, 1920, 23.06.2022
Panorama internacional
Inflação galopante e possível recessão nos EUA: quais são os riscos para o Brasil?

Euro x dólar

Após oscilar à beira da paridade com o dólar, o euro caiu abaixo do patamar da moeda norte-americana, pela primeira vez em duas décadas, na semana passada, no dia 13.
A moeda única da Europa se desvalorizou para US$ 0,9998 (cerca de R$ 5,41, na cotação daquele dia) em relação ao dólar. Em recuperação ao longo dos últimos dias, o euro fechou cotado a US$ 1,02 (R$ 5,61) nesta quinta-feira (21).
Neste ano, a queda acumulada do euro é de quase 11% até o momento.
Muralhas do Kremlin junto ao rio Moscou em Moscou, Rússia, foto publicada em 22 de maio de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 21.07.2022
Panorama internacional
Abalando o Ocidente, sanções não deixaram a economia da Rússia isolada, diz mídia
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала