Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Inteligência do Irã prende 3 agentes da Mossad que tinham planos de assassinar cientistas iranianos

© AFP 2022 / Atta KenareEbrahim Raisi, presidente eleito do Irã, durante sua primeira coletiva de imprensa em Teerã, Irã, 21 de junho de 2021
Ebrahim Raisi, presidente eleito do Irã, durante sua primeira coletiva de imprensa em Teerã, Irã, 21 de junho de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 21.06.2022
Nos siga noTelegram
Agentes israelenses estavam em território persa para coletar informações e documentos confidenciais além de terem planos para assassinar cientistas nucleares.
Nesta terça-feira (21), as forças do Ministério de Inteligência do Irã, nas províncias de Sistan e Balouchestan, ao sudoeste iraniano, capturaram três indivíduos que tinham ligações com a agência de espionagem Mossad de Israel, segundo a agência Tasnim.
De acordo com a pasta, os três detidos estavam envolvidos na divulgação de informações e documentos confidenciais.
Ao mesmo tempo, o procurador-geral da região, Mahdi Shamsabadi, informou que os agentes tinham planos de assassinar cientistas nucleares iranianos e foram presos em uma complicada operação de inteligência após oito meses de atividades de monitoramento cuidadosos.
Militares iranianos carregam caixão de cientista nuclear Mohsen Fakhrizadeh durante seu funeral em Teerã, em 30 de novembro de 2020 - Sputnik Brasil, 1920, 18.09.2021
Revelado como Mossad planejou e executou assassinato do cientista nuclear Fakhrizadeh
Segundo a mídia, foram reunidas amplas provas contra os agentes, de tal forma que não fizeram nenhuma objeção quando um mandado de prisão foi emitido.
"Os réus confessaram que alguns deles estiveram em contato direto com oficiais do Mossad", disse Shamsabadi.
Do lado israelense, ao longo do mês de junho, o Estado judeu pediu a cidadãos que saissem da Turquia por medo de ataques da República Islâmica.
"Após uma série de tentativas de atentados terroristas iranianos nessas últimas semanas contra os israelenses de férias em Istambul, pedimos aos israelenses que não peguem o avião para Istambul [...]. Se você se encontra lá, volte para Israel o quanto antes", declarou o ministro israelense das Relações Exteriores, Yair Lapid, citado pelo The Times of Israel.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала