EUA revelam número histórico de suas tropas estacionadas na Polônia

© AP Photo / Nathan PosnerMembros da 82ª Divisão Aerotransportada do Exército dos EUA limpam armamento antes do envio para a Polônia de Fort Bragg, Carolina do Norte, na segunda-feira, 14 de fevereiro de 2022
Membros da 82ª Divisão Aerotransportada do Exército dos EUA limpam armamento antes do envio para a Polônia de Fort Bragg, Carolina do Norte, na segunda-feira, 14 de fevereiro de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 20.05.2022
Nos siga noTelegram
O embaixador dos EUA na Polônia revelou nesta quinta-feira (19) que há 12.600 militares americanos na Polônia atualmente, o que é um número recorde na história.
Enquanto a OTAN conduz exercícios massivos nas proximidades da Ucrânia, a Polônia e os Países Bálticos pediram ainda mais tropas, de acordo com um documento vazado para a mídia recentemente.

"Agradeço muito à Polônia por ter acolhido tantas tropas americanas no seu território. No momento, 12.600 soldados estão no território da República da Polônia. Isto é mais do que nunca na história", afirmou o embaixador Mark Brzezinski durante sua visita aos treinamentos militares Defender Europe 2022 da OTAN.

Os militares poloneses descreveram as manobras como "um teste de deslocação rápida de tropas e equipamentos" e revelaram que as tropas dos países da OTAN já "praticaram o transporte ferroviário e rodoviário, bem como forçando obstáculos na água".
Soldados da França integrando tropas da OTAN - Sputnik Brasil, 1920, 20.05.2022
França implanta sistema antimísseis Mamba na Romênia como parte do reforço do flanco leste da OTAN
Os Estados Unidos não têm uma base militar permanente na Polônia, embora Varsóvia há muito tempo que promova essa ideia. Em um esforço para cortejar o anterior presidente dos EUA, os poloneses até propuseram a chamar essa base de "Forte Trump".
Atualmente, na Europa encontram-se cerca de 100.000 soldados americanos. Vários membros da OTAN enviaram seus soldados para o chamado flanco oriental da aliança, que vai da Estônia à Romênia, depois que Moscou enviou tropas para a Ucrânia em 24 de fevereiro.
A Polônia serve no momento como a principal base logística do bloco para o fornecimento de armas e outra assistência militar à Ucrânia. Varsóvia também enviou mais de 200 tanques para Kiev, além de artilharia, caças, drones e munições.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала