Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

EUA não descartam ações militares se a China estabelecer base nas Ilhas Salomão

© AP Photo / Wu Dengfeng / Agência de notícias XinhuaBase militar da China em Djibuti (imagem referencial)
Base militar da China em Djibuti (imagem referencial) - Sputnik Brasil, 1920, 26.04.2022
Nos siga noTelegram
Daniel Kritenbrink, assessor do secretário de Estado americano para Assuntos do Leste Asiático e Pacífico, deixou nesta terça-feira (26) a porta aberta para ações militares se o Exército chinês estabelecer uma presença permanente nas Ilhas Salomão.
O diplomata não exclui a possibilidade de uma ação militar, caso a China venha a instalar uma base militar nas Ilhas Salomão, dizendo que o acordo de segurança entre os dois países apresenta "potenciais implicações de segurança regional" para os EUA e outros aliados.
"Claro que temos respeito pela soberania das Ilhas Salomão, mas também queríamos que soubessem que, se forem tomadas medidas para estabelecer uma presença militar permanente, capacidade de projeção de poder ou uma instalação militar, então ficaríamos seriamente preocupados e, naturalmente, responderíamos a essas preocupações", disse ele.
Ao ser perguntado o que essa resposta poderia envolver, ele disse: "Olhe, eu não vou especular e não estou em posição de falar sobre o que os Estados Unidos podem ou não fazer em tal situação", escreve The Guardian.
No domingo (24) o primeiro-ministro australiano Scott Morrison disse que a criação de uma base militar chinesa nas Ilhas Salomão significaria ultrapassar uma "linha vermelha" para a Austrália, nações vizinhas e Estados Unidos.
O primeiro-ministro chinês Li Keqiang, à esquerda, e o primeiro-ministro das Ilhas Salomão, Manasseh Sogavare, revisam uma guarda de honra durante uma cerimônia de boas-vindas no Grande Salão do Povo em Pequim (foto de arquivo) - Sputnik Brasil, 1920, 25.04.2022
Panorama internacional
Criação de base militar da China nas Ilhas Salomão seria 'linha vermelha' para Austrália, diz premiê
Já na segunda-feira (25), o porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da China, Wang Wenbin, disse durante uma coletiva de imprensa que as alegações da pretensão de Pequim de construir uma base militar nas Ilhas Salomão, no âmbito do acordo bilateral de segurança, são desinformação.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала