Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Rússia: EUA estão fazendo 'insinuações maliciosas' de que temos armas químicas ou biológicas

© REUTERS / Evgenia NovozheninaTorre Spasskaya e Catedral de São Basílio vistos através de objeto de arte no Parque Zaryadye em Moscou, Rússia, 15 de março de 2022
Torre Spasskaya e Catedral de São Basílio vistos através de objeto de arte no Parque Zaryadye em Moscou, Rússia, 15 de março de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 22.03.2022
Nos siga noTelegram
O Ministério das Relações Exteriores da Rússia comentou as declarações dos EUA de que Moscou poderia estar se preparando para usar armas químicas e biológicas durante a operação militar especial na Ucrânia.
As afirmações dos EUA de que a Rússia poderia supostamente usar armas químicas e biológicas não são mais que insinuações maliciosas, disse na terça-feira (22) Sergei Ryabkov, vice-ministro das Relações Exteriores russo.
"Nós não temos nem uma coisa, nem outra. Aquilo que dizem os americanos são insinuações maliciosas", comentou ele aos jornalistas.
"Nós as ouvimos constantemente, e já há muito tempo que lhes damos respostas abrangentes. A questão é que os EUA não estão habituados, não aprenderam a ouvir alguém senão eles mesmos", acrescentou.
Presidente dos EUA, Joe Biden, durante reunião do Comitê Nacional do Partido Democrata em Washington, 10 de março de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 21.03.2022
Panorama internacional
Biden nega que EUA tenham armas biológicas e acusa Putin de estudar usá-las (VÍDEO)
Nesta terça-feira (22) Joe Biden, presidente dos EUA, declarou que a Rússia pagará um preço elevado se usar armas químicas na Ucrânia, enquanto um representante da Casa Branca alegou que Washington tem avisado há muito tempo que Moscou pode usar esse tipo de armas sob "bandeira falsa".
O major-general Igor Konashenkov, representante oficial do Ministério da Defesa da Rússia, já advertiu que os nacionalistas ucranianos podem usar armas químicas como provocação e atribuir isso às forças russas.
Já a embaixada da Rússia nos EUA sublinhou que grupos ucranianos radicais prepararam cenários de uso de objetos tóxicos que depois seriam atribuídos aos militares russos, o que considerou preocupante, pois o país norte-americano ainda não destruiu seu "estoque nacional de agentes de guerra química".
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала