Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Putin diz que tomará hoje a decisão sobre o reconhecimento das RPL e RPD

© Sputnik / Aleksei NikolskyVladimir Putin, presidente da Rússia, durante reunião extraordinária do Conselho de Segurança russo
Vladimir Putin, presidente da Rússia, durante reunião extraordinária do Conselho de Segurança russo - Sputnik Brasil, 1920, 21.02.2022
Nos siga noTelegram
O presidente da Rússia disse que revelará hoje (21) sua decisão sobre o reconhecimento de independência das autoproclamadas repúblicas populares em Donbass.
Vladimir Putin, presidente da Rússia, afirmou que anunciará nesta segunda-feira (21) se as autoproclamadas repúblicas populares de Donetsk e Lugansk serão reconhecidas por Moscou.
"Estimados colegas, eu ouvi a opinião dos senhores. A decisão será tomada hoje. Quero lhes agradecer por este encontro, por esta reunião", indicou ele durante encontro do Conselho de Segurança da Rússia.
Nesta segunda-feira (21), o presidente russo realizou uma reunião extraordinária do Conselho de Segurança russo, sobre a escalada da situação em Donbass, da qual também participaram Sergei Lavrov, ministro das Relações Exteriores, Sergei Shoigu, ministro da Defesa, Mikhail Mishustin, primeiro-ministro, e outras autoridades.
Líder da RPD Leonid Pasechnik (à esquerda) e líder da RPL Denis Pushilin durante o fórum de integração Donbass Russo em Donetsk - Sputnik Brasil, 1920, 21.02.2022
Panorama internacional
Líderes de RPD e RPL pedem que Putin reconheça independência das repúblicas populares (VÍDEO)
Na última semana se intensificaram as tensões em torno da região de Donbass, com Kiev concentrando forças na linha de separação com as repúblicas populares de Donetsk e Lugansk a maior parte do Exército e conduzindo regularmente ataques contra as milícias populares das repúblicas, inclusive com armamento proibido.
Devido à ameaça de uma invasão da Ucrânia, as autoproclamadas repúblicas começaram a evacuação de mulheres, crianças e idosos para a região russa de Rostov e anunciaram a mobilização geral.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала