Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Pentágono finaliza programa de 'Frota Fantasma' e entrega 4 navios não tripulados à Marinha dos EUA

© Foto / Domínio público / Marinha dos EUA / T. Logan Keown / HandoutDestróier USS Porter (DDG 78) participa de exercícios parte da iniciativa Sistemas Marítimos Não Tripulados (imagem de arquivo)
Destróier USS Porter (DDG 78) participa de exercícios parte da iniciativa Sistemas Marítimos Não Tripulados (imagem de arquivo) - Sputnik Brasil, 1920, 15.01.2022
Nos siga no
A Marinha norte-americana terá quatro embarcações não tripuladas ao seu dispor, que deverão ser polivalentes, ou seja, realizar diversos tipos de missões, inclusive de ataque.
A Marinha dos EUA receberá quatro navios não tripulados do Escritório de Capacidades Estratégicas (SCO, na sigla em inglês) do Pentágono, revelou na quarta-feira (12) a revista Breaking Defense.
Apesar de um custo de produção aproximado de US$ 370 milhões (R$ 2,05 bilhões), as embarcações serão entregues "gratuitamente", disse Pete Small, gerente do programa para sistemas marítimos não tripulados.
Os navios fazem parte do programa Frota Fantasma Soberana (Ghost Fleet Overlord), que será fechado após esta entrega.
As embarcações não tripuladas navegaram desde a Costa do Golfo norte-americana (sudeste dos EUA) até o Canal do Panamá, e depois à Costa Ocidental dos EUA, segundo a Breaking Defense. Isso equivale a cerca de 7.500 km por viagem por cada embarcação.
Míssil Padrão 6 (SM-6) - Sputnik Brasil, 1920, 07.09.2021
Marinha dos EUA testa míssil SM-6 a partir de navio de superfície não tripulado (VÍDEO)
No entanto, a maior demonstração de poder aconteceu em dezembro, quando foi testada a sua autonomia e confiabilidade. Durante os testes, "ficamos com uma boa ideia de onde estamos e encontramos algumas falhas nessas áreas de confiabilidade e operabilidade", indicou Small, apesar de não oferecer mais detalhes. Depois desses exercícios foram realizadas manobras para testar a integração das embarcações às operações da Marinha norte-americana.
O objetivo do projeto, que começou em 2017, é implantar nos próximos anos navios de superfície não tripulados que possam viajar de um ponto para outro, seguir as regras de navegação, evitar outras embarcações, e até realizar missões de ataque, tudo de forma autônoma.
Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала