Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para
 - Sputnik Brasil, 1920
Notícias do Brasil
Notícias sobre política, economia e sociedade do Brasil. Entrevistas e análises de especialistas sobre assuntos que importam ao país.

MPF entra na Justiça contra o governo Bolsonaro e pede R$ 62,5 bilhões para vítimas da COVID-19

© AP Photo / Raul SpinasseO presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, fala durante uma coletiva de imprensa no Palácio do Planalto, em Brasília, no dia 24 de novembro de 2021
O presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, fala durante uma coletiva de imprensa no Palácio do Planalto, em Brasília, no dia 24 de novembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 15.12.2021
Nos siga no
A Procuradoria da República no Distrito Federal entrou com uma ação, nesta quarta-feira (15), contra o governo Bolsonaro pedindo que a Justiça condene a União a pagar um valor estimado em R$ 62,5 bilhões para as famílias de vítimas da COVID-19 e pessoas com sequelas graves.
Na ação civil pública, enviada à Justiça Federal, os procuradores da República afirmam que houve omissão e negligência da gestão do presidente Jair Bolsonaro (PL) nas negociações para a aquisição de vacinas, conforme noticiou o jornal Folha de S.Paulo.
Os representantes do Ministério Público Federal (MPF) responsabilizam Bolsonaro e seus comandados pelo número de vítimas fatais da pandemia. Até esta terça-feira (14), o país já registrou mais de 617 mil óbitos por COVID-19.

"O presidente Jair Bolsonaro, líder máximo da nação, em diversas ocasiões, zombou e duvidou do número de óbitos, chamou de 'maricas' e cheios de 'mimimi' aqueles que se preocupavam com o vírus e com as suas nefastas consequências para a população", afirmaram.

O presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, participa de cerimônia de assinatura de decretos de assistência a gás em Brasília, Brasil 2 de dezembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 15.12.2021
Notícias do Brasil
Mídia: ante alto índice de rejeição de Bolsonaro, aliados do centrão começam a 'abandonar o barco'
Os signatários da ação, que tramita na 20ª vara Cível de Justiça Federal do DF, pedem que as famílias dos mortos sejam indenizadas em, no mínimo, R$ 100 mil. Além disso, segundo eles, as famílias de sobreviventes com sequelas graves e persistentes devem receber ao menos R$ 50 mil.
Outro pedido do MPF é que a Justiça condene a União a pagar R$ 1 bilhão a ser revertido a um fundo como forma de reparação ao dano moral coletivo. De acordo com os procuradores, o valor deverá ser aplicado obrigatoriamente em ações, programas ou projetos de desenvolvimento científico.
Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала