Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Submarino USS Connecticut danificado é capturado em FOTOS pela 1ª vez desde colisão em outubro

CC BY 2.0 / Amanda R. Gray, especialista em comunicação de massa de 1ª classe / Submarino nuclear USS Connecticut (SSN-22) (imagem referencial)
Submarino nuclear USS Connecticut (SSN-22) (imagem referencial) - Sputnik Brasil, 1920, 13.12.2021
Nos siga no
O submarino USS Connecticut danificado foi avistado pela primeira vez desde sua colisão em outubro. Imagens postadas nas redes mostram o submarino da classe Seawolf chegar à baía de San Diego, Califórnia, com danos visíveis na proa.
Em 2 de outubro, o submarino rápido nucelar de ataque atingiu uma montanha submarina desconhecida no mar do Sul da China, uma área altamente contestada por vários países asiáticos, inclusive a China. O incidente deixou 11 tripulantes feridos, com Pequim exortando Washington a prover todos os detalhes sobre a colisão.
Urgente: Submarino nuclear de ataque USS Connecticut (SSN22) da classe Seawolf chegando a San Diego – observe os danos óbvios na proa – 12 de dezembro de 2021
Foi relatado recentemente que a colisão do navio com a montanha submarina resultou em vários danos em tanques de lastro do submarino. O reator nuclear e o sistema de propulsão do submarino não foram danificados. De acordo com um recente relato do US Naval Institute News, o incidente também resultou na destruição da cúpula de sonar do submarino, o que tornou inseguro para o USS Connecticut viajar debaixo d'água.
Submarino USS Connecticut SSN22 danificado colocado em San Diego na manhã de domingo, 12 de dezembro, após trânsito de superfície desde Guam. Ele atingiu uma montanha submarina em 2 de outubro no mar do Sul da China. O submarino continuará até o estaleiro naval de Puget Sound para reparos completos.
Alguns dias após o incidente, a Marinha dos EUA emitiu um comunicado notificando que o USS Connecticut colidiu com um objeto desconhecido em águas internacionais no mar do Sul da China. Os Estados Unidos não têm reivindicações na área, mas frequentemente realizam missões nesse mar referindo como motivo assegurar a liberdade de navegação.
Do meu tweet anterior do SSN22, a partir do vídeo da SanDiegoWebCam em 4K. Aumentado com vista da proa
O incidente coincidiu com grandes exercícios militares realizados pelas forças do Reino Unido, Canadá, Dinamarca, Japão e Nova Zelândia ao norte de Taiwan.
Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала