Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para
Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Forças de segurança na Índia matam 'acidentalmente' ao menos 13 civis confundindo-os com militantes

© AP Photo / Mukhtar KhanAgentes se segurança chegam para uma operação de busca em Srinagar, Índia
Agentes se segurança chegam para uma operação de busca em Srinagar, Índia - Sputnik Brasil, 1920, 05.12.2021
Nos siga no
Forças de segurança indianas mataram 13 pessoas no estado de Nagaland, no nordeste do país, depois de dispararem contra um veículo e a multidão que se reuniu para protestar contra o ataque, disse polícia no domingo (5).
Tensões se instalaram no estado indiano de Nagaland depois de um grupo de pelo menos seis civis, que viajava em uma caminhonete, ter sido morto a tiros em um incidente que aconteceu neste sábado à noite (4) na área de Oting.
Segundo informações, as forças de segurança indianas teriam confundido, em uma emboscada, as pessoas com militantes do Conselho Nacional Socialista de Nagaland (NSCN, na sigla em inglês), que é um grupo separatista que opera no nordeste da Índia.
Em 2015 este movimento foi designado organização terrorista ao abrigo da Lei sobre Atividades Ilícitas (Prevenção) depois de ter emboscado um comboio do Exército indiano e ter morto 18 militares.
O Exército indiano lamentou o incidente e suas consequências, dizendo que as forças de segurança também sofreram ferimentos graves, incluindo um soldado que não resistiu aos ferimentos e acabou por falecer.
Segundo relatos, após o ocorrido a população local incendiou alguns veículos supostamente pertencentes às forças de segurança.
13 civis e um soldado mortos durante uma operação de segurança em Nagaland. Moradores locais enfurecidos atearam fogo em veículos do exército.
Mais tarde, familiares e moradores locais foram à procura dos homens desaparecidos e depois de encontrar os corpos enfrentaram as tropas.

"Foi aí que ocorreu um confronto entre os dois lados e o pessoal de segurança começou a disparar, matando mais sete pessoas", disse à AFP Sandeep Tamgadge, oficial da polícia de Nagaland.

O Exército indiano informou em comunicado que um dos seus soldados havia morrido durante o confronto, sem fornecer detalhes sobre o número de soldados feridos.
Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала