Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para
Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Chanceler russo: na Europa podem surgir em breve mísseis americanos de médio alcance

© Foto / Força Aérea dos EUA / Lance CheungMíssil ar-terra norte-americano Hellfire
Míssil ar-terra norte-americano Hellfire - Sputnik Brasil, 1920, 02.12.2021
Nos siga no
Na Europa podem vir a ser implantados em breve mísseis norte-americanos de médio alcance, disse hoje (2) o chanceler russo, Sergei Lavrov.
Nesta quinta-feira (2), o ministro das Relações Exteriores está em visita a Estocolmo para participar da reunião do Conselho Ministerial da Organização para a Segurança e Cooperação na Europa (OSCE). "A arquitetura da estabilidade estratégica está sendo destruída rapidamente, em breve na Europa podem aparecer mísseis americanos de médio alcance", disse ele.
De acordo com Lavrov, "a infraestrutura militar da aliança está se aproximando das fronteiras russas. O cenário de pesadelo de um confronto militar está de volta".
Brigada polonesa junto aos soldados da divisão norte-americana durante manobras Anakonda 16 da OTAN, Polônia - Sputnik Brasil, 1920, 30.11.2021
Panorama internacional
EUA cercaram Rússia com bases militares e intensificam histeria perto das fronteiras, diz Lavrov
Por isso, o avanço da OTAN para leste vai afetar os interesses fundamentais de segurança da Rússia, disse o ministro. A respeito do aumento de tensões na fronteira entre a Rússia e Ucrânia, o chanceler enfatizou:
"Nós, como ressaltou o presidente Putin, não queremos quaisquer conflitos, mas, se os nossos parceiros da OTAN declaram que ninguém tem o direito de ditar a qualquer país que deseja entrar na Aliança Atlântica se o pode fazer ou não, então nós indicamos uma disposição do direito internacional de que cada Estado tem o direito de escolher como salvaguardar seus legítimos interesses de segurança".

"Mas o novo avanço da OTAN para leste vai definitivamente afetar os interesses fundamentais de nossa segurança", acrescentou.

O secretário de Estado americano, Antony Blinken, ao discursar na reunião do conselho, acusou a Rússia de alegadamente violar os Acordos de Minsk, que regulam a situação de conflito no Leste da Ucrânia. Particularmente, Blinken ressaltou que Moscou "não segue os compromissos de cessar-fogo, de retirada das armas pesadas e de concessão de acesso aos observadores da OSCE". Ao responder a essas acusações, o chanceler russo disse esperar do secretário esclarecimentos detalhados sobre as supostas violações dos Acordos de Minsk pela Rússia.
Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала