Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para
 - Sputnik Brasil, 1920
Notícias do Brasil
Notícias sobre política, economia e sociedade do Brasil. Entrevistas e análises de especialistas sobre assuntos que importam ao país.

Manhã com Sputnik Brasil: destaques desta sexta-feira, 29 de outubro

© REUTERS / KEVIN LAMARQUEPresidente americano Joe Biden e primeira-dama Jill Biden partem de Washington para a Itália a fim de participar da cúpula do G20, Maryland, EUA, 28 de outubro dos 2021
Presidente americano Joe Biden e primeira-dama Jill Biden partem de Washington para a Itália a fim de participar da cúpula do G20, Maryland, EUA, 28 de outubro dos 2021  - Sputnik Brasil, 1920, 29.10.2021
Nos siga no
Bom dia! A Sputnik Brasil está acompanhando as matérias mais relevantes desta sexta-feira (29), marcada pela chegada de Biden à Cúpula do G20 na Itália, pela mudança de nome do grupo Facebook e pelo assassinato do fundador da mídia Maya Press no México.

PGR abre apuração preliminar de indícios entregues pela CPI

Nesta quinta-feira (28), a Procuradoria Geral da República iniciou a apuração preliminar para analisar os dados reunidos pela CPI da Covid contra 13 pessoas com foro privilegiado, inclusive contra o presidente Jair Bolsonaro. A decisão do procurador-geral da República, Augusto Aras, é habitual nesse tipo de procedimento. A apuração servirá para analisar a abertura oficial de investigação no Supremo Tribunal Federal (STF) e no Superior Tribunal de Justiça. O relatório final aprovado pela comissão parlamentar, de 1.288 páginas, pede 80 indiciamentos e atribui ao chefe do Executivo nove crimes durante a pandemia. Aras determinou 10 providências internas para o andamento do processo, entre elas, checar se há procedimentos semelhantes às investigações realizadas pela CPI ou já em andamento na PGR, no STF e no STJ.
© AP Photo / Eraldo PeresProcurador-geral da República, Augusto Aras
Procurador-geral da República, Augusto Aras - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Procurador-geral da República, Augusto Aras

COVID-19 no Brasil: SP começa a exonerar funcionários não vacinados

Nesta quinta-feira (28), o prefeito de São Paulo, Ricardo Nunes, pediu a elaboração de despacho com as exonerações de servidores públicos que não tomaram vacina anti-COVID-19. Funcionários comissionados serão alvo de processos administrativos, segundo o jornal Folha de São Paulo. Os quem apresentaram comprovantes médicos de motivos para não se vacinar foram liberados da obrigatoriedade. Além disso, a Fiocruz divulgou ontem (28) a edição do Boletim InfoGripe onde alertou para o reaparecimento de outros vírus respiratórios, além do SARS-CoV-2, que causam Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) em crianças de 0 a 9 anos. Esses são Bocavírus, Parainfluenza 3 e 4, Vírus Sincicial Respiratório (VSR) e Rinovírus, que, segundo a análise, estão mais presentes na região Centro-Sul. Entretanto, o Brasil confirmou mais 399 mortes e 15.054 casos de COVID-19, totalizando 607.125 óbitos e 21.780.474 diagnósticos da doença, informou o consórcio entre secretarias estaduais de saúde e veículos de imprensa.
© REUTERS / ADREES LATIFCriança em um hospital do Haiti, 28 de outubro de 2021
Criança em um hospital do Haiti, 28 de outubro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Criança em um hospital do Haiti, 28 de outubro de 2021

Biden chega à Itália para Cúpula do G20

Hoje, sexta-feira (29), o presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, chegou à capital italiana, Roma, para participar da cúpula de líderes do Grupo dos 20, programada para os dias 30 e 31 de outubro, conforme informou a Casa Branca. O presidente e a primeira-dama dos EUA, Jill Biden, desembarcaram do avião às 02h36 na hora local (00h36, horário de Brasília), tiveram uma breve conversa com altos funcionários presentes e abandonaram o aeroporto. Nesta sexta-feira (29) Biden deve se reunir com o Papa Francisco, com o presidente francês, Emmanuel Macron, e com o primeiro-ministro italiano, Mario Draghi. Neste final de semana o líder dos EUA participará da reunião do G20 e logo partirá para a cidade escocesa de Glasgow, onde assistirá à Conferência das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas de 2021 (COP26). Os presidentes da Rússia e da China, Vladimir Putin e Xi Pinging, respetivamente, vão participar do encontro do G20, realizado no formato presencial, através de videoconferência devido à pandemia. O presidente brasileiro Jair Bolsonaro também embarcou para a Itália, na noite desta quinta-feira (28) para participar da reunião.
© AP Photo / Gregorio BorgiaCarabineiros patrulham área em frente do centro de convenções La Nuvola, onde vai ocorrer a cúpula do G20, Roma, Itália, 28 de outubro de 2021
Carabineiros patrulham área em frente do centro de convenções La Nuvola, onde vai ocorrer a cúpula do G20, Roma, Itália, 28 de outubro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Carabineiros patrulham área em frente do centro de convenções La Nuvola, onde vai ocorrer a cúpula do G20, Roma, Itália, 28 de outubro de 2021

Remodelação do Facebook: companhia muda nome da empresa-mãe para Meta

O Facebook, cujos produtos também incluem os aplicativos Instagram, WhatsApp e o brand da realidade virtual Oculus, anunciou ontem (28) que mudou o nome de sua empresa-mãe para Meta. "Tenho orgulho em anunciar que, a partir de hoje [28 de outubro], nossa empresa é a Meta", disse o fundador do Facebook, Mark Zuckerberg, durante a conferência anual da companhia. Os aplicativos da gigante tecnológica, inclusive o próprio Facebook, não serão afetados pela mudança, esclareceu Zuckerberg. Durante a conferência, a empresa apresentou uma prévia de suas ambições para construir o chamado metaverso, onde convergem as realidades virtual e aumentada. Zuckerberg prevê uma espécie de universo digital que pode ser acessado por meio de óculos de realidade virtual com diferentes espaços 3D onde as pessoas poderão comunicar, aprender ou jogar, de acordo com o site da Meta. A remodelação da marca ocorreu quando a imagem do Facebook tem sido afetada após a denunciante Frances Haugen ter exposto práticas tóxicas da empresa e o impacto negativo, principalmente do Instagram, nas meninas. Entretanto, após o anúncio do novo nome da gigante tecnológica, as ações da empresa atingiram valores recorde em Wall Street.
© AP Photo / Tony AvelarFuncionárias do Facebook posam para foto com novo logo no exterior da sede da empresa na cidade de Menlo Park, na Califórnia, EUA, 28 de outubro de 2021
Funcionárias do Facebook posam para foto com novo logo no exterior da sede da empresa na cidade de Menlo Park, na Califórnia, EUA, 28 de outubro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Funcionárias do Facebook posam para foto com novo logo no exterior da sede da empresa na cidade de Menlo Park, na Califórnia, EUA, 28 de outubro de 2021

Sudão vai ter novas autoridades civis

O Sudão vai ter um novo primeiro-ministro e um novo Conselho Soberano "dentro de uma semana no máximo", disse à Sputnik o chefe das Forças Armadas do Sudão, Abdel Fattah al-Burhan. O novo premiê vai ser tecnocrata, mas ainda não há candidatos para o cargo. O gabinete será nomeado por um novo primeiro-ministro, sem interferência dos militares, assegurou al-Burhan. Cabe às diferentes camadas da sociedade sudanesa chegar a um consenso sobre a candidatura do primeiro-ministro, de acordo com o atual líder do Estado africano. "O anterior primeiro-ministro foi eleito através de um consenso entre as forças políticas e militares. Agora não há nenhumas forças políticas, por isso temos o dever patriótico de liderar o povo e ajudá-lo no período de transição até que se realizem as eleições. Vamos escolher um primeiro-ministro, que pertencerá aos tecnocratas", disse ele. Militares sudaneses detiveram o ex-chefe de governo, Abdalla Hamdok, e vários ministros do país na segunda-feira (25), o que fez com que muitas pessoas saíssem às ruas do Sudão em protesto.
© AP Photo / Marwan AliPessoas queimam pneus durante protestos após os militares terem tomado o poder em Cartum, Sudão, 26 de outubro de 2021
Pessoas queimam pneus durante protestos após os militares terem tomado o poder em Cartum, Sudão, 26 de outubro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Pessoas queimam pneus durante protestos após os militares terem tomado o poder em Cartum, Sudão, 26 de outubro de 2021

Fundador da agência de notícias regional Maya Press é assassinado a tiros no México

O jornalista Fredy López Arévalo morreu nesta quinta-feira (28) após ser baleado quando chegava à sua casa no sul do México, segundo anunciaram as autoridades estatais. López Arévalo, de 62 anos de idade, foi baleado perto de seu domicílio quando estava em seu carro, conforme um comunicado da Procuradoria-Geral do Estado de Chiapas. O jornalista foi atacado por uma única pessoa, que o esperava no escuro perto de sua casa e, em seguida, fugiu em motocicleta. López Arévalo foi correspondente de várias agências de notícias estrangeiras, editor do diário local Novedades de Mexico, Prensa Libre de Guatemala e Notimex. Também foi fundador da agência local Maya Press, que abordava acontecimentos em Chiapas e informava em espanhol, inglês e francês. A investigação está em andamento. Nos últimos três anos, no país foram assassinados 47 jornalistas, de acordo com o vice-secretário de Direitos Humanos, da População e da Migração, Alejandro Encinas.
Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала