Reservas de ouro e moeda estrangeira da Rússia crescem US$ 3,2 bilhões em 1 semana

© Foto / Pixabay / flaartOuro (imagem referencial)
Ouro (imagem referencial) - Sputnik Brasil, 1920, 24.04.2021
Nos siga noTelegram
O Banco Central da Rússia viu suas reservas de ouro e divisas aumentarem em 0,6% em uma semana, atingindo US$ 583,7 bilhões (R$ 3,2 trilhões) em 16 de abril.

As reservas russas de ouro e moeda estrangeira cresceram em US$ 3,2 bilhões (R$ 17,52 bilhões) na semana que terminou em 16 de abril, de acordo com um comunicado do Banco Central da Rússia publicado na quinta-feira (22).

"O volume das reservas internacionais em 16 de abril totalizou US$ 583,7 bilhões [R$ 3,2 trilhões], tendo aumentado em uma semana US$ 3,2 bilhões [R$ 17,52 bilhões], ou 0,6%, como resultado da reavaliação positiva e das operações de compra de moeda estrangeira, no quadro das regras orçamentárias", disse.

Em 2020, as reservas internacionais do país tinham aumentado em 7,5%. Em 1º de janeiro de 2021 alcançavam US$ 595,8 bilhões (R$ 3,26 trilhões).

As reservas internacionais da Rússia compreendem ativos externos altamente líquidos, incluindo ouro, moedas estrangeiras e direitos especiais de saque, um meio de reserva emitido pelo Fundo Monetário Internacional, definido em uma carteira de moedas (yuan chinês, euro, libra esterlina, iene japonês e dólar dos EUA) todas elas à disposição do Banco Central da Rússia e do governo russo.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала