05:24 31 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Economia
    URL curta
    5290
    Nos siga no

    Em resposta às sanções dos Estados Unidos, analistas acreditam que a Rússia pode ultrapassar a China e a Austrália e, em 2029, tornar-se o maior produtor de ouro do mundo.

    O risco de implementação de novas sanções pelos Estados Unidos pode levar a Rússia a aumentar significativamente sua produção de ouro em 2020 e 2021, consideram analistas da Fitch Solutions.

    "As sanções em curso, e em expansão, dos EUA contra a Rússia, paradoxalmente, vai apoiar a produção de ouro no país no curto prazo", garante a consultoria em um relatório citado pelo portal da CNBC.

    O risco crescente de restrições aos bancos estatais russos para negociar com ativos em dólares dos EUA, devido às tensas relações bilaterais entre a Moscou e Washington, está pressionando o Banco Central russo a aumentar suas reservas de ouro, explica a Fitch Solutions.

    Barras de ouro comercializadas no mercado internacional
    © Sputnik / Aleksandr Kondratyuk
    Barras de ouro comercializadas no mercado internacional

    Analistas acreditam que a Rússia pode ultrapassar a China e a Austrália e se tornar o maior produtor de ouro em 2029. A produção do precioso metal na Rússia crescerá de 11,3 milhões de onças em 2020 para 15,5 milhões de onças em 2029, representando uma taxa média de crescimento anual de 3,7%, preveem os especialistas.

    Produção chinesa em declínio

    A China, que atualmente ocupa o topo do ranking dos maiores produtores de ouro, deve manter sua produção entre 2020 e 2029 com uma taxa média de crescimento anual de 0,2%, de acordo com a Fitch Solutions.

    Embora a produção de ouro no país asiático tenha crescido em média 3,1% ao ano na última década, a imposição de rígidas regulamentações ambientais e o fechamento de pequenas minas podem causar o declínio previsto.

    As sanções impostas pelos EUA à Rússia entraram em vigor em 2014 após a reunificação da Crimeia. Desde então o pacote de sanções foi ampliado. As relações entre Moscou e Washington permanecem instáveis, já que os EUA veem a Rússia como uma ameaça à segurança nacional norte-americana.

    Mais:

    Investidores compram ouro por não haver boas alternativas? Especialistas explicam
    Ouro é coisa do passado: especialistas garantem que prata vai passar metal dourado em breve
    Pentágono: EUA devem enfrentar Rússia e China 'em todas as regiões do planeta'
    Rússia diz que tomou todas as medidas para prevenir incidente com EUA na Síria
    Tags:
    China, ouro, Rússia, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar