Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

EUA cancelam entrada de 2 navios de guerra no mar Negro, mas Pentágono se recusa a comentar assunto

© REUTERS / Murad SezerA demonstrator takes part in a protest against a U.S. plan to send warships to the Black Sea, in Istanbul, Turkey April 14, 2021
A demonstrator takes part in a protest against a U.S. plan to send warships to the Black Sea, in Istanbul, Turkey April 14, 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 15.04.2021
Nos siga no
Uma entrada planejada de navios de guerra norte-americanos nestes dias pelo estreito de Bósforo não foi realizada, em meio a tensões geopolíticas na região entre a Rússia e a OTAN.

Os EUA cancelaram o destacamento de dois navios de guerra no mar Negro, previsto para quarta-feira (14) e quinta-feira (15).

Não foi adiantada uma razão para este passo. Segundo fontes citadas pela agência Reuters, o Ministério das Relações Exteriores da Turquia foi notificado sobre a ação, e Ancara costuma aprovar os pedidos de Washington. Mevlut Cavusoglu, chanceler turco, confirmou na quinta-feira (15) que os EUA suspenderam a entrada das embarcações no mar Negro.

Funcionários norte-americanos afirmaram anteriormente que "a notificação inicial e o destacamento nunca foram confirmados".

Era planejado que os navios de guerra norte-americanos permanecessem no mar Negro até 4 e 5 de maio.

"Continuamos monitorando a situação na região com muito cuidado. Estamos cientes dos relatos sobre os navios, mas, por razões de segurança, não discutimos estes tipos de detalhes operacionais. Operamos regularmente no mar Negro e em muitas outras áreas de toda a região, o que faz tudo parte de nosso compromisso contínuo e da segurança de nossos aliados e parceiros da OTAN", disse o Pentágono no final da quarta-feira (14).

O Departamento de Defesa dos EUA acrescentou que não houve nenhuma mudança na capacidade operacional dos EUA ou na postura de dissuasão.

As tensões entre a OTAN e a Rússia tem aumentado com o frequente destacamento de navios de guerra e aviões da Aliança Atlântica nos últimos anos, levando Moscou na quarta-feira (14) a enviar para treinamento uma fragata, corvetas de mísseis, uma embarcação de mísseis, um navio caça-minas, bem como grandes navios de desembarque em resposta, e a exortar os EUA e aliados a se afastarem da Crimeia e da sua costa do mar Negro.

De acordo com a agência turca Anadolu, o Ministério das Relações Exteriores da Turquia atualmente não está a par de novas passagens planejadas.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала