Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Pentágono confirma que filmagem de OVNI registrada pela Marinha dos EUA é autêntica (VÍDEO)

© Foto / Pixabay / Thomas BudachConcepção de artista de um OVNI
Concepção de artista de um OVNI - Sputnik Brasil, 1920, 14.04.2021
Nos siga no
Embora OVNIs sejam um tópico estigmatizado, permanece o fato de que sua existência seja constantemente defendida em diversas áreas. A confirmação do Pentágono sobre a veracidade das imagens pode aumentar essa crença.

Nesta terça-feira (13), o Pentágono confirmou que as imagens de objetos voadores não identificados (OVNIs) registradas pelo destróier USS Russell (DDG-59) da Marinha dos EUA em 2019, na Califórnia, são reais, segundo o The Independent.

"Posso confirmar que as fotos e os vídeos mencionados foram registrados por militares da Marinha dos EUA. A Força-Tarefa de Fenômenos Aéreos Não Identificados incluiu esses incidentes em seus exames em andamento", disse disse a porta-voz do Pentágono, Susan Gough, citada pela mídia.

No vídeo gravado em 2019, imagens de uma misteriosa nave "em forma de pirâmide" são observadas voando pelo céu, junto a outros três objetos estranhos. O vídeo em questão foi coletado pela Força-Tarefa de Fenômenos Aéreos Não Identificados (UAPTF, na sigla em inglês) e posteriormente vazado para o cineasta Jeremy Corbell, que em seguida o divulgou.

Corbell disse que verificou a autenticidade das imagens após obter informações de um briefing de inteligência do Pentágono no qual oficiais confirmaram que a filmagem foi registrada por militares no destróier USS Russell, segundo a mídia.

Ele ainda confirmou que o briefing listou diversos eventos envolvendo vários navios em julho de 2019, assim como avistamentos de OVNIs por drones nos dias 14 e 15 do mesmo mês.

"[...] E por falar nisso, em outros navios, aconteceram coisas diferentes. Então, alguns [objetos] eram como luzes que faziam formas de oitos, padrões e giros de 90 graus. Outros eram como uma luz de cor diferente, como o vermelho" disse Corbell citado pela mídia.

O Pentágono anunciou no ano passado a criação da UAPTF para "melhorar sua compreensão e visão sobre a natureza e as origens de fenômenos aéreos não identificados". A missão da força-tarefa "é detectar, analisar e catalogar os fenômenos, que podem representar uma ameaça à segurança nacional dos EUA".

Segundo a mídia, um relatório da UAPTF sobre o evento será divulgado em junho.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала